Criado no Corinthians, Jô se diz com 'vontade que ninguém imagina' e fala sobre estreia na Arena

2.6 mil visualizações 28 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Revelado no Corinthians, Jõ estreia no clube em 2017

Revelado no Corinthians, Jõ estreia no clube em 2017

Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Revelado nas categorias de base do Corinthians e apresentado como contratação do clube já há pouco mais de um mês, o atacante Jô reafirmou vontade ao falar de sua reestreia na equipe alvinegra. Ressaltando emoção neste início de uma nova passagem pelo Timão, o jogador garantiu que será um prazer jogar com a camisa do time alvinegro na Arena em Itaquera.

“Jogar pelo Corinthians é uma emoção que nunca tive em nenhum lugar que joguei. Comecei na base e agora voltei para casa. A emoção é tão grande que vou ficar falando 1 hora e não conseguirei explicar. É um prazer pisar na Arena com a camisa do Corinthians. Eu treinava no CT do Parque Ecológico, época do container e água gelada. Estou com uma vontade de jogar, brigar e fazer gol pelo Corinthians que ninguém imagina”, comentou Jô durante entrevista ao programa “Aqui com Benja!”, do canal à cabo Fox Sports.

Aos 29 anos, o jogador comentou a sua atual forma física. “Tem uma foto que apareceu em que estou gordo, mas é montagem. Apesar de estar em forma, fiz um trabalho com a nutricionista do Corinthians e hoje estou melhor do que antes. Eu não estava tão gordo, aquela imagem montagem”, disse.

Com passagens por grandes clubes e pela Seleção Brasileira, Jô também falou sobre a pressão da torcida e da mídia. “Críticas têm que existir, só não concordo com as que fazem de dentro do campo, pois por onde passei eu fiz história”, opinou o atacante.

Questionado sobre a vida pessoal, o jogador voltou a comentar sobre os erros do passado. Com histórico festeiro durante sua passagem pelo Internacional, entre 2011 e 2012, e pelo Atlético-MG, entre 2012 e 2015, Jô garantiu mudanças em seu estilo de vida nessa nova fase.

“Sempre fui bem-educado pelos meus pais. Quando o dinheiro passou a entrar, mudou. Comecei a beber com mais de 18 anos e já estava casado. Saia da balada e ia para o treino. Passei a não respeitar meus pais e traia a minha esposa. Virei evangélico e a religião ajudou-me muito, pois nada nem ninguém conseguia convencer-me que eu ia para o fundo do poço. Hoje vivo o melhor momento pessoal da minha vida”, relatou.

Veja mais em: .

Veja Mais:

  • Corinthians se manteve entre os cinco primeiros do Brasileiro

    Corinthians conta com virada nos acréscimos e fica entre os cinco melhores no BR-19; veja tabela

    ver detalhes
  • Levantamento de bandeirões no Setor Norte foi um dos motivos da multa pesada por parte da Conmebol

    Corinthians recebe multa pesada da Conmebol por três motivos diferentes; entenda

    ver detalhes
  • Neto comentou sobre faltas de Sornoza, erro de Marllon, fase de Urso e muito mais

    Neto critica Marllon, ironiza Sornoza batedor de falta e cobra até 'pata de Urso' na TV

    ver detalhes
  • Duelos contra o Santos mostram queda da confiança da torcida em Carille

    Linha do tempo: clássicos contra o Santos evidenciam queda do Corinthians de Carille na temporada

    ver detalhes
  • Corinthians vive momento ruim, mas segue com boas chances de ir ao principal torneio do continente

    Mesmo em mau momento, Corinthians segue com boas chances de ir para a Libertadores

    ver detalhes
  • O Corinthians precisa voltar a ser um time respeitado dentro de campo

    [Mayara Munhoz] O Corinthians precisa voltar a ser um time respeitado dentro de campo

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: