Adversário do Corinthians na Copa do Brasil também anuncia preço salgado de ingresso

Adversário do Corinthians na Copa do Brasil também anuncia preço salgado de ingresso

Por Meu Timão

Estádio Ronaldão deverá ter mais de sete mil torcedores para jogo do Corinthians

Estádio Ronaldão deverá ter mais de sete mil torcedores para jogo do Corinthians

Foto: Divulgação

A Caldense anunciou, nesta quinta-feira, o valor que cobrará pelo ingresso do jogo contra o Corinthians, na primeira rodada da Copa do Brasil. A entrada no Estádio Ronaldão, em Poços de Caldas (MG), seja para torcedores da equipe local, seja para torcedores do Timão, custará R$ 80 (R$ 40 meia).

O clube mineiro ainda não forneceu informações a respeito da data que iniciará a comercialização nem dos postos de venda. Sabe-se que serão colocados à disposição da torcida pouco mais de sete mil bilhetes.

Corinthians e Caldense se enfrentam no próximo dia 8 de fevereiro. Pelo novo regulamento da Copa do Brasil, o confronto será realizado em jogo único: a equipe mineira tem a vantagem do mando de campo; o Timão, do empate.

Todo mundo tirando casquinha - A Caldense não é a única equipe que tirará vantagem da popularidade da torcida do Corinthians neste início de temporada. Outro clube que anunciou preços altos de ingressos para partida contra o Timão foi o São Bento. O adversário da equipe alvinegra na primeira rodada do Paulistão cobrará R$ 90 por bilhete.

Veja mais em: Copa do Brasil e Ingressos.

Veja Mais:

  • Kazim terá nova oportunidade como titular diante do Palmeiras

    Em treino aberto na Arena, Carille define novo Corinthians para clássico

    ver detalhes
  • Treino com torcida na Arena Corinthians não é novidade

    Organizadas pedem e último treino antes do Dérbi terá presença da torcida na Arena Corinthians

    ver detalhes
  • Jadson deve ser opção a partir da próxima quarta-feira, dia 1

    Jadson confirma que se colocou à disposição para enfrentar o Palmeiras e crava jogo da reestreia

    ver detalhes
  • Sanchez e Roberto de Andrade seguem aliados na política do Corinthians

    Fortalecido após veto do impeachment, Andrés Sanchez cogita voltar à presidência do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes