Carille banca Jô após pênalti perdido, mas mostra receio com dupla de ataque

Carille banca Jô após pênalti perdido, mas mostra receio com dupla de ataque

105 mil visualizações 163 comentários Comunicar erro

Fábio Carille

Fábio Carille

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O técnico Fábio Carille saiu em defesa do centroavante Jô após a derrota do Corinthians por 2 a 0 para o Santo André, nesta noite de sábado, na Arena Corinthians, pelo Paulistão. O camisa 7 teve em mãos – ou nos pés – a chance de abrir o placar, após pênalti sofrido por Marlone, mas parou no goleiro Zé Carlos.

Em entrevista coletiva, Carille evitou criticar seu atacante pelo erro e foi direto: Jô seguirá com o posto de batedor de penais oficial do Timão, ao menos enquanto Jadson segue sem condições de jogo.

“Tem que continuar trabalhando, bateu em Sorocaba e foi feliz. Dar confiança. Não é porque errou que não é mais o cobrador oficial. É o cobrador. Continuar treinando para quando acontecer fazer”, afirmou Carille.

Em contrapartida, o treinador foi sincero ao comentar o posicionamento de Jô e Kazim na retal final do segundo tempo. Isso porque, com a entrada do inglês naturalizado turco como referência, o camisa 7 passou a atuar pelo lado direito do setor, como um ala, tendo a missão de acompanhar as descidas do lateral rival.

“Para jogar com os dois na área, temos de mudar toda a mecânica. Fazer jogadas de lado. Perdemos tempo com Kazim voltando dos Estados Unidos machucado. Tentei fazer alguma coisa contra o São Paulo, mas teve expulsão lá e não conseguiu trabalhar. Voltou e só ficou à disposição para esse jogo. Existe possibilidade de dois dentro da área”, concluiu.

O Corinthians volta a campo na próxima quarta-feira, diante do Grêmio Novorizontino, às 19h30 (de Brasília), na Arena, pela terceira rodada do Campeonato Paulista.

Veja mais em: Fábio Carille, Paulistão, e Kazim.

Veja Mais:

  • Clayson, Luan, Sornoza, Marciel e Matheus Matias: confira o vaivém no Corinthians neste fim de 2018

    Corinthians no mercado da bola: saiba quem chega, quem sai e quem negocia com o Timão para 2019

    ver detalhes
  • Boa parte da grana deixada pelo torcedor na Arena Corinthians não vai para o Fundo

    Despesas levam R$ 15,5 mi da bilheteria do Corinthians em 2018; veja levantamento do Meu Timão

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians deposita altas doses de esperança no retorno de Carille

    Torcida do Corinthians coloca retorno do Carille no topo dos assuntos mais comentados do Brasil

    ver detalhes
  • Uendel, um dos alvos do Corinthians, tem 30 anos; 11 a mais que o atual titular Carlos Augusto

    Corinthians aumenta 'filtro de idade' em buscas indicadas por Carille no mercado da bola

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes