Coelho exalta Pedrinho e relata mudança 'da água para o vinho' de Mantuan

Coelho exalta Pedrinho e relata mudança 'da água para o vinho' de Mantuan

Por Meu Timão

187 mil visualizações 176 comentários Comunicar erro

Pedrinho e Mantuan fazem parte do elenco profissional do Corinthians

Pedrinho e Mantuan fazem parte do elenco profissional do Corinthians

Daniel Augusto Jr./Ag.Corinthians

Substituto de Osmar Loss no comando da equipe Sub-20, Dyego Coelho não poupou elogios ao meia-atacante Pedrinho, novo reforço do Corinthians no Campeonato Paulista. Um dia após o atleta de 18 anos ser inscrito no Estadual, o comandante alvinegro enalteceu a promessa de Maceió e foi claro: o garoto está pronto para brilhar.

“Não, com o Pedrinho acho que não precisa de calma, não. Ano passado ele teve uma lesão muito grave e realmente estourou na Copinha. É um menino que não tem receio de nada, só quer saber de jogar futebol, muito bem centrado nas coisas e o que ele está fazendo no profissional, hoje está todo mundo encantado com ele. É só questão de tempo, teve uma lesão pequena agora de novo, é uma joia que a gente tem e que eu, por conviver com ele há mais de um ano, já sei o que vai acontecer quando ele entrar em campo”, disse Coelho em entrevista à rádio Jovem Pan.

“Tenho certeza absoluta que assim que ele entrar vai ter nego lá do profissional bravo porque não vai mais jogar. Porque o Pedrinho entrando, vai ser difícil tirar”, frisou o treinador.

Pedrinho subiu aos profissionais do Corinthians após a conquista da Copa São Paulo de Futebol Júnior 2017, da qual foi eleito o melhor jogador. Bastante elogiado pelo técnico Fábio Carille, ele deve ser relacionado para enfrentar a Ferroviária neste domingo, às 16h (de Brasília), em Araraquara, pela nona rodada do Paulistão. De acordo com Coelho, o meia evoluiu taticamente na última temporada.

“Quando ele chegou para gente, o Osmar tinha uma dificuldade muito grande que as pessoas falavam que o Pedrinho não conseguia fazer recomposição, que ele não tinha força para atacar e defender. O Osmar brigava com ele e falava que aquilo era impossível, que 'se você quer jogar em alto nível, tem de fazer as duas funções'. O que ele fez na Copinha de recompor e jogando pelo lado é impressionante. Então é um jogador de beirada, mas também pode jogar por dentro. As quatro funções numa linha de quatro ele pode fazer, ele só não pode fazer o '9', não tem corpo fazer. Jogando entre as linhas do adversário, o Pedrinho é espetacular”.

Capitão com moral

Outro garoto exaltado por Coelho foi Guilherme Mantuan, capitão do Timão na Copinha. Também integrante do grupo profissional do clube atualmente, o versátil atleta passou por uma evolução após um curto período de treinos no CT Joaquim Grava - o volante chegou a participar da rotina da equipe adulta, mas desceu ao Sub-20 ao término de 2016 para disputar o principal torneio de base do país.

“Quando eu cheguei para ser auxiliar, o Mantuan era um jogador normal, não falava, parecia que ele nem estava no treino. Depois de muito cobrar dele, porque ele está no Corinthians desde os cinco, seis anos de idade, a ida ao profissional e a descida dele à Copinha o colocaram em um patamar de liderança total. Ele mudou da água para o vinho, é um jogador que tem muita força, faz três funções. Além de ter essa força, ele realmente é um líder, que nos ajudou na Copinha e vai ajudar o Carille quando for necessário”.

Veja mais em: Base do Corinthians, Pedrinho, Guilherme Mantuan e Copinha.

Veja Mais:

  • Tem clássico! Timão e São Paulo decidem na terça vaga à semifinal da Copa RS

    Corinthians faz clássico contra São Paulo nas quartas da Copa RS

    ver detalhes
  • Rosenberg chamou Leila Pereira de 'imperadora' do Palmeiras e ironizou Allianz: 'Pneu deitado'

    Diretor do Corinthians ironiza Palmeiras e diz que 'Fiel não aceitaria imperadora'

    ver detalhes
  • Corinthians e Internacional se enfrentaram pela liderança do Grupo B da Copa RS

    Corinthians vai bem, mas cede empate para Internacional e deixa escapar liderança na Copa RS

    ver detalhes
  • 'Não sei por que fazem tanto romance em torno disso', declarou Rosenberg sobre dívida pela Arena

    Rosenberg atualiza dívida do Corinthians pela Arena: 'Na pior das hipóteses, deve R$ 650 milhões'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes