Leandrinho leva Corinthians aos vestiários da NBA e palpita sobre vencedor das finais

Leandrinho leva Corinthians aos vestiários da NBA e palpita sobre vencedor das finais

Por Mayara Munhoz e Danilo Augusto

36 mil visualizações 40 comentários Comunicar erro

Leandrinho recebeu o Meu Timão em sua casa para falar de Corinthians

Leandrinho recebeu o Meu Timão em sua casa para falar de Corinthians

Foto: Meu Timão / Larissa Lima

Um dos torcedores ilustres do Corinthians, o jogador de basquete Leandrinho Barbosa está no Brasil de férias. Na torcida por seu ex-time, o Golden State Warriors, nas finais da NBA, o jogador revelou que o Timão fez parte dos vestiários da equipe de São Francisco e agora faz do Phoenix Suns, seu atual time na liga norte-americana.

Como assim? O armador contou em entrevista exclusiva ao Meu Timão que uma de suas rotinas em dias de jogos do Corinthians no Brasil é ir treinar com a camisa do Timão. A prática já era feita quando atuou pelo Golden State e se repete no Suns.

"O horário nos EUA é bem atrás do daqui do Brasil. Geralmente quando passa os jogos do Corinthians lá, é uma hora que eu estou indo treinar ou estou indo aquecer para o jogo. Então, tem uma televisão lá, eu pedi para que colocassem o Premiere. Aí eu vejo todos os jogos. Quando tem jogo do Corinthians, eu sempre vou com uma camiseta minha do Corinthians. Fico na maca, tem algumas vezes que eu aqueço com a camisa para dar um sorte, não só para mim, para eu passar a sorte para o Corinthians e eles passarem para mim", revelou o brasileiro, que também já atuou por Toronto Raptors, Indiana Pacers e Boston Celtics na NBA.

A ideia de aquecer com a camisa alvinegra despertou a curiosidade de seus companheiros de time, que, agora, se tornaram fãs de futebol e conhecem um pouco mais de Corinthians. Leandrinho revelou que nomes como Stephen Curry foram influenciados e hoje acompanham o futebol.

"Quando eu estava no Golden, os jogadores perguntavam. O jogador mais famoso lá, o Curry, hoje assiste futebol. O Klay (Thompson) também gosta muito de futebol. A gente ainda teve a felicidade do Neymar ir lá no ano passado, agora ele foi também. O futebol está sendo mais visto não só no Suns, como pelos meus amigos que estão no Golden. Então, é aquilo, a gente assiste o futebol e o futebol assiste a gente. Um pouco de cada um está dando certo", explicou.

E já que o assunto era NBA, Curry e Golden State, o Meu Timão não poderia deixar de perguntar sobre as finais da liga, que estão sendo disputadas nos últimos dias nos Estados Unidos. O antigo clube de Leandrinho, o Golden State Warrions, disputa o título da temporada com o Cleveland Cavaliers. E, claro, o brasileiro acredita na vitória dos ex-companheiros.

"Eu acredito que eles (Golden State Warriors) vão ganhar. Já estive lá dois anos seguidos, indo para as finais. Infelizmente, ano passado não conseguimos. Eu ia ser bicampeão, mas não foi dessa vez. Mas tudo bem, ganhei o anel. Agora eles estão com uma oportunidade muito grande. Estou muito feliz pela situação deles, embora, ano passado tenha sido a mesma. Acredito que a cabeça e o foco deles estão diferentes. O time, para mim, está parecendo melhor até que o ano que a gente foi campeão", ressaltou Leandrinho, que foi campeão com a equipe de São Francisco em 2015.

"A entrada do Kevin Durant foi muito forte. Então, eu acredito que eles acabam levando o troféu mais uma vez. Infelizmente, eu não estou lá, mas estou aqui torcendo por eles. Acho que o trabalho que é feito no Golden State, acho que só quem está lá, sabe como é", completou o armador, ressaltando a importância de Kevin Durant, um dos principais destaques das finais até o momento.

Leandrinho, aliás, escolheu o americano de 28 anos como MVP (Most Valuable Player, ou o Jogador Mais Valioso) da NBA nesta temporada. "Ele fez um bom trabalho, uma coisa que muitos fãs não acreditavam que ele poderia fazer. Entrar em um grupo que já tem três All-Star é muito difícil, é bem difícil", lembrou.

Leandrinho foi o segundo brasileiro a ganhar a NBA na história

Leandrinho foi o segundo brasileiro a ganhar a NBA na história

Divulgação

A disputa está 2 a 0 para o Golden State. A série, porém, só foi disputada em São Francisco até agora. Nesta quarta-feira, 7, o cenário muda: a terceira partida será jogada em Cleveland e, segundo Leandrinho, a situação pode complicar para seu ex-clube. O duelo está marcado para às 22h, no horário de Brasília.

"A responsabilidade do Golden State acaba aumentando por jogar na casa do adversário. E jogar em Cleveland é complicado. A torcida é bem chata, bem suja. E eu acredito que deva haver uma mudança. O LeBron vai vir com outro estímulo, os jogadores também. Ele (LeBron) está com sangue nos olhos. Você vê que os recordes que ele vem quebrando, ele quer passar o Michael Jordan de qualquer jeito. E para ele passar, ele tem que ganhar esse título. Ele sabe muito bem que a equipe do Golden State é forte, é difícil e ele vai precisar fazer muito. O Kevin (Durant) está muito quente, matando muita bola. Se não parar ele e o Curry, vai ser meio impossível ele (LeBron) levar o título para Cleveland", finalizou o corinthiano.

A revelação sobre a presença do Corinthians nos vestiários da NBA e os palpites sobre as finais não foram as únicas coisas que Leandrinho contou ao Meu Timão. O segundo jogador brasileiro a vencer um título da NBA da história, recebeu a equipe do site em sua casa, em Jundiaí, no interior de São Paulo, e falou sobre seu amor ao Corinthians. Todas as histórias de Leandrinho, seus planos para o futuro e um pedido para lá de especial para o Timão, serão contadas na entrevista exclusiva completa que irá ao ar na sexta-feira, dia 9, pela manhã. Fiquem ligados!

Veja mais em: Torcida do Corinthians.

Veja Mais:

  • Jonathas está na mira do Corinthians; atacante está no Hannover, da Alemanha

    Uma contratação, uma baixa e duas negociações: como se reapresenta o Corinthians pós-folga

    ver detalhes
  • Éric Cantona utilizou imagem de Sócrates para criticar Neymar

    Ídolo francês usa foto de corinthiano Sócrates para dar indireta a Neymar

    ver detalhes
  • Goleada da Inglaterra inspirou memes de corinthianos

    Torcida do Corinthians usa goleada da Inglaterra para provocar São Paulo nas redes sociais

    ver detalhes
  • Bernard, Marinho e Sánchez são algumas sugestões da Fiel ao Corinthians

    Sete sugestões de contratação da Fiel ao Corinthians para o segundo semestre de 2018

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes