Corinthians deve poupar jogadores e pode ter vários jovens da base na Colômbia

Corinthians deve poupar jogadores e pode ter vários jovens da base na Colômbia

Jô pode não viajar até a cidade de Tunja, na Colômbia

Jô pode não viajar até a cidade de Tunja, na Colômbia

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

A programação do Corinthians para o duelo com o Patriotas (COL), pela segunda fase da Copa Sul-Americana, ainda pode sofrer modificações. Mas, a princípio, a delegação voltará de Porto Alegre para São Paulo após o duelo com o Grêmio, no próprio domingo, fará um treino regenerativo na manhã de segunda-feira e, posteriormente, viajará até Tunja na sequência, treinando em solo colombiano na terça-feira, véspera do jogo - clube ainda tenta melhorar a iluminação do estádio. E poderá fazê-la sem alguns dos seus principais jogadores.

A comissão técnica ainda não bateu o martelo, mas é bem provável que três ou quatro considerados titulares permaneceram no Brasil. Será verificada a quantidade de participações no ano e a minutagem de cada um. Os mais desgastados não devem viajar à Colômbia.

"Os atletas estão sendo monitorados sempre. Não vou correr risco. Prefiro ficar com um jogador fora do que perder por mais tempo. É pensar jogo a jogo. O Kazim entrou bem demais, então posso dar uma segurada no Jô na frente. Mas vamos jogo a jogo e vendo com os médicos e fisiologistas", lembrou Fábio Carile, deixando claro que o centroavante é um dos candidatos.

Nesta sexta-feira, em entrevista ao Esporte Interativo, o diretor de futebol Flavio Adauto reafirmou a chance de não levar todos os jogadores. Mais do que isso: é possível que diversos garotos promovidos da base sejam titular diante do Patriotas.

"Pensamos em levar para a Colômbia até alguns meninos que não estão aparecendo com frequência para jogar", avisou o dirigente.

Além do desgaste, a decisão de não ir à Colômbia com força máxima se deve também as dificuldades que serão encontradas com a logística. Após uma viagem de três horas de avião até Bogotá, será necessário pegar um ônibus até a cidade de Tunja, localizada a cerca de 140km da capital do país. Devido às condições da pista, a previsão é de mais de três horas de viagem por terra.

Soma-se a isso, a altitude de 2.800 metros, que deve mexer com os atletas em campo. Nesse, claro, como não poderia ser diferente, há jogadores que não sentem qualquer tipo de efeito. Outros, porém, necessitam até de oxigênio por tubos.

Na próxima rodada do Brasileirão, o Corinthians enfrenta o vice-líder Grêmio. O duelo será realizado domingo, às 16h, em Porto Alegre.

Veja mais em: , Fábio Carille e Copa Sul-Americana.

Veja Mais:

  • Pablo não tem permanência assegurada no Timão para a próxima temporada

    Fim da paciência: Corinthians dá ultimato e cobra resposta de empresário de Pablo

    ver detalhes
  • Corinthians anuncia uniforme especial para partida contra Atlético-MG

    Corinthians anuncia uniforme especial para partida contra Atlético-MG

    ver detalhes
  • Ralf ergueu troféu do hexa do Brasileirão antes de deixar Corinthians

    Ralf diz que não jogaria em rival do Corinthians, explica saída e opina sobre Gabriel

    ver detalhes
  • Pré-temporada de 2018 teve início nesta semana para jogadores do Timão

    Corinthians se antecipa, e jogadores realizam exames cardiológicos para 2018

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes