Ex-Corinthians, Romarinho é detido em aeroporto no Catar em meio a tensão política entre países

Ex-Corinthians, Romarinho é detido em aeroporto no Catar em meio a tensão política entre países

Por Meu Timão

Romarinho está no futebol árabe desde 2014, quando saiu do Corinthians

Romarinho está no futebol árabe desde 2014, quando saiu do Corinthians

Foto: Divulgação

Romarinho, ex-atacante do Corinthians, foi detido nesta quarta-feira no aeroporto de Doha, capital do Catar, quando tentava embarcar para a cidade de Abu Dhabi. A informação é do jornal espanhol Sport. Já segundo sua assessoria, o atleta já está em casa e não foi preso - veja explicação abaixo.

De acordo com a publicação espanhola, não houve uma explicação oficial para a detenção do jogador. O jornal acredita que pode ser mais um enfrentamento diplomático entre os Emirados Árabes Unidos e o Catar. Vários países do Golfo, incluindo os Emirados, cortaram relações com o Catar em junho deste ano sob a acusação de que o país estaria apoiando o terrorismo.

Romarinho viajou na última terça-feira, com a permissão do seu clube, o Al Jazira, para se reunir com dirigentes do seu antigo clube, o El Jaish (que agora se chama Al Duhail) e acertar pagamentos devidos. O jogador tinha que regressar a Abu Dhabu na sequência para atuar pelo campeonato local.

Vale lembrar que seu antigo clube (El Jaish), que é do Catar, não queria que o jogador se transferisse para outro clube da região. Romarinho teve muita dificuldade para conseguir sua liberação na ocasião. É possível que essa transferência que tanto irritou os dirigentes tenha a ver com sua prisão no aeroporto da capital do Catar.

"Não sabemos qual o motivo de sua detenção. Demos 24 horas para que as autoridades resolvam o caso, se não, vamos à Fifa", afirmou o clube árabe ao jornal local Sport 360, antes da liberação do atleta.

Em coletiva de imprensa, o treinador do Al Jazira, Henk Ten Cate, disse não ter muitas informações sobre o fato.

"Mesmo que ele entre no vôo e volte, ele perdeu dois dias de treinamento. Ele não vai começar (o jogo). Isso deve ter sido uma coisa emocional para esse cara. Você pode imaginar que você está preso em algum lugar e você não pode sair? É uma questão emocional. Eu vou ter que falar com ele primeiro e ver como ele se sente. Eu não sei nada sobre isso e só soube algo na sessão de treinamento", explicou.

"O foco deve estar no futebol e se concentrar no jogo de futebol contra Al Ain. Para mim, isso é muito importante. Como me sinto por Romarinho, meu principal interesse é para minha equipe ", finalizou o técnico.

ATUALIZAÇÃO

Minutos depois da publicação desta reportagem, o assessor de imprensa do jogador informou que Romarinho já está em casa e que foi apenas barrado no aeroporto e não detido.

"Ele ficou pouco tempo no aeroporto, resolveram (o problema) e liberaram. Não foi detido e nem preso. Apenas houve uma averiguação e seguiu. Ele está em casa", explicou o assessor de imprensa de Romarinho, em contato com a ESPN.com.br

Veja mais em: Ex-jogadores do Corinthians.

Veja Mais:

  • Pablo não tem permanência assegurada no Timão para a próxima temporada

    Fim da paciência: Corinthians dá ultimato e cobra resposta de empresário de Pablo

    ver detalhes
  • Corinthians anuncia uniforme especial para partida contra Atlético-MG

    Corinthians anuncia uniforme especial para partida contra Atlético-MG

    ver detalhes
  • Ralf ergueu troféu do hexa do Brasileirão antes de deixar Corinthians

    Ralf diz que não jogaria em rival do Corinthians, explica saída e opina sobre Gabriel

    ver detalhes
  • Pré-temporada de 2018 teve início nesta semana para jogadores do Timão

    Corinthians se antecipa, e jogadores realizam exames cardiológicos para 2018

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes