Arrependido, Jô volta a negar intenção de gol com a mão e cita jogador rival para encerrar assunto

Arrependido, Jô volta a negar intenção de gol com a mão e cita jogador rival para encerrar assunto

Por Meu Timão

3.6 mil visualizações 41 comentários Comunicar erro

Jô decidiu de forma polêmica o duelo contra o Vasco

Jô decidiu de forma polêmica o duelo contra o Vasco

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Após cruzamento de Marquinhos Gabriel, Jô empurrou a bola para o gol e se tornou o maior artilheiro do Corinthians na era dos pontos corridos. O que era para ser destaque nas manchetes perdeu espaço para uma polêmica. O camisa 7 alvinegro desviou com a mão e, ao final da partida, afirmou não ter sentido o toque no braço. Voltando a negar sua intenção, o atacante revelou que essa declaração é a única de que se arrepende no meio de tantas cobranças.

"Uma coisa que eu me arrependo e ficou claro, quem me conhece sabe, foi que eu poderia ter analisado o lance ali no vestiário e ter falado que a bola realmente tinha tocado na mão. Quem me conhece sabe que eu estou falando a verdade e eu deixei claro, depois que eu vi que a bola tocou na mão, mas eu realmente não tive nenhuma intenção de querer fazer aquele gol de mão e ganhar trapaceando", afirmou o jogador, em participação no programa "Bem, Amigos!", do SporTV.

Leia também:
Corinthians retoma maior média de público do país em 2017
Mesmo na reserva, Marquinhos Gabriel e Clayson são os maiores garçons do Corinthians no BR-17
Ainda sem definição contratual, Pablo trabalha duro por rápido retorno ao Corinthians

Na oportunidade, Jô só admitiu o toque dois dias depois, já de cabeça fria. O centroavante afirmou ter assistido o lance em casa e garantiu que não teve a intenção de desviar a bola de forma ilegal. Apesar dos arrependimentos, o corinthiano não nega a mágoa pelas críticas pessoais que recebeu. Para encerrar o assunto, o atacante citou o caso de Dudu, do Palmeiras, que admitiu após a partida ter feito falta que o juiz não assinalou.

"Muita gente falando do meu caráter, da minha pessoa, enfim, uma série de coisas que eu não gosto nem de lembrar porque não faz parte do meu convívio. Quem me conhece sabe que eu não sou assim. Então, eu me arrependo só de não ter falado ali que nem o Dudu falou: ‘Eu empurrei, mas foi interpretação do árbitro, se ele não deu falta aí já é problema dele’. É só isso que eu queria deixar claro", finalizou Jô.

Veja mais em: e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • 'Nem Pedrinho salva...': Timão não foi páreo para o Grêmio na noite deste sábado

    Pobre tecnicamente, Corinthians é derrotado pelo Grêmio no fim do primeiro turno

    ver detalhes
  • Walter 'voa' para afastar perigo de gol do Grêmio; nem arqueiro evitou revés em casa

    Walter evita o pior, e Loss é eleito 'vilão': as avaliações do revés corinthiano

    ver detalhes
  • Duílio Monteiro Alves, diretor de futebol do Corinthians, falou sobre a ausência de Fagner

    Na esteira de rivais, Corinthians também reclama da convocação de Fagner: 'Não ficamos satisfeitos'

    ver detalhes
  • Corinthians tem campanha irregular no Brasileiro nas mãos de Loss

    Fiel dispara contra Loss na web após derrota do Corinthians; veja melhores comentários

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes