'A faísca de campeão voltou a acender', garante volante do Corinthians

16 mil visualizações 107 comentários Comunicar erro

Gabriel voltou a jogar nesta quarta-feira, contra o Grêmio

Gabriel voltou a jogar nesta quarta-feira, contra o Grêmio

Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Gabriel retornou à equipe do Corinthians após um longo período. Ausente nos últimos dois jogos devido à suspensão imposta pelo STJD - ainda teve a parada das Eliminatórias -, o volante foi um dos destaques da equipe no empate sem gols diante do Grêmio, na noite desta quarta-feira, na Arena Corinthians.

Mais do que a manutenção dos nove pontos de distância para o Grêmio, o volante comemorou a postura de seus companheiros durante os 90 minutos. Na visão de Gabriel, a postura da equipe foi de quem deseja ser campeão brasileiro nas próximas rodadas.

"Não foi apenas eu, todos correram muito no jogo...Romero, Rodriguinho, Jadson... foi impressionante o que correram e marcaram. A faísca do time voltou a acender, deu para perceber, a torcida sentiu. Essa faísca é de campeão. Não veio a vitória, mas se mantivermos essa pegada, com certeza, voltarão. Em breve vamos tentar definir o campeonato, mas faltam nove rodadas, temos uma vantagem, precisamos seguir em frente", afirmou o volante.

Leia também:
Mesmo a nove pontos, zagueiro do Grêmio vê empate em Itaquera com bons olhos
Carille vê lado bom de empate com Grêmio e enaltece 'vantagem muito grande'
Balbuena lamenta oscilação do Corinthians, mas exalta empate contra Grêmio

Assim como diversos dos seus companheiros, Gabriel comemorou o empate conquistado diante do Grêmio.

"Acredito que foi um bom empate, sim. Mantivemos uma vantagem de nove pontos e tem uma partida a menos. Dentro da competição foi um resultado bom, fizemos quatro pontos em cima do vice. Agora é ir pra cima do Botafogo e conseguir um bom resultado", afirmou.

Por fim, o camisa 5 comentou a substituição antes do término da partida - foi trocado por Fellipe Bastos, nos minutos finais. De acordo com o jogador, não houve qualquer tipo de lesão.

"Foi câimbra, eu poderia prejudicar a equipe se permanecesse em campo. Foi uma preocupação, eu não conseguiria dar o pique para ajudar a equipe. Fiquei dois jogos fora pela suspensão, teve a parada de dez dias ainda, mas acredito que o ritmo já estará melhor diante do Botafogo e fluirá maior", finalizou,

Veja mais em: Gabriel e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Corinthians se manteve entre os cinco primeiros do Brasileiro

    Corinthians conta com virada nos acréscimos e fica entre os cinco melhores no BR-19; veja tabela

    ver detalhes
  • Levantamento de bandeirões no Setor Norte foi um dos motivos da multa pesada por parte da Conmebol

    Corinthians recebe multa pesada da Conmebol por três motivos diferentes; entenda

    ver detalhes
  • Felipe Vezaro foi o grande nome do Corinthians na partida desta segunda-feira

    Corinthians conta com Vezaro em noite espetacular e bate Bauru na primeira vitória no NBB

    ver detalhes
  • Neto comentou sobre faltas de Sornoza, erro de Marllon, fase de Urso e muito mais

    Neto critica Marllon, ironiza Sornoza batedor de falta e cobra até 'pata de Urso' na TV

    ver detalhes
  • Duelos contra o Santos mostram queda da confiança da torcida em Carille

    Linha do tempo: clássicos contra o Santos evidenciam queda do Corinthians de Carille na temporada

    ver detalhes
  • Corinthians vive momento ruim, mas segue com boas chances de ir ao principal torneio do continente

    Mesmo em mau momento, Corinthians segue com boas chances de ir para a Libertadores

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: