Há 19 anos, Corinthians conquistava seu segundo título do Campeonato Brasileiro

1.6 mil visualizações 21 comentários

Marcelinho foi decisivo em todos os jogos da fase final em 1998

Marcelinho foi decisivo em todos os jogos da fase final em 1998

Reprodução/Corinthians

Se neste ano os jogadores já estão de férias há quase um mês, no dia 23 de dezembro de 1998 o Corinthians entrava em campo para levantar sua segunda taça do Brasileirão. Há exatos 19 anos, mais de 57 mil alvinegros compareceram ao Morumbi para apoiar o Timão na grande final do torneio, contra o Cruzeiro. Com uma vitória por 2 a 0, a equipe comandada por Vanderlei Luxemburgo sagrou-se campeã.

Com um dos grandes esquadrões de sua história, o Corinthians dava indícios de título já na primeira parte da competição. Nem mesmo uma sequência de cinco jogos sem vencer tirou do time a liderança da fase e a confiança para o mata-mata, que tinha cada duelo decidido em três partidas.

Nas quartas de final, o adversário foi o Grêmio. No Olímpico, Rincón deu a vitória ao Timão pelo placar mínimo, 1 a 0. No Pacaembu, o time gaúcho reverteu a vantagem e saiu de campo com um triunfo por 2 a 0. No mesmo estádio, as equipes fizeram uma dura partida pela vaga na semifinal. Edilson, no entanto, decidiu para o Corinthians: 1 a 0 de novo e o time avançou.

Leia também:
Douglas revela comunicado do Corinthians para se reapresentar com o plantel de Carille em janeiro
Corinthians inicia varredura por um camisa 9 com história; salário de Fred assustou
Corinthians mira argentino ex-São Paulo para preencher lacuna deixada por Jô para 2018

Na última etapa antes da grande decisão, clássico local. Santos e Corinthians se enfrentaram em três partidas emocionantes, como não poderia deixar de ser. Na primeira delas, disputada na Vila Belmiro, 2 a 1 para os santistas. Em casa, o Timão reverteu a vantagem e venceu por 2 a 0 - Marcelinho Carioca e Edilson foram às redes. No encontro decisivo, 1 a 1, com novo gol do Pé de Anjo, e vaga garantida na grande final.

Contra o Cruzeiro, o Corinthians coroou a brilhante campanha naquela edição do Brasileirão. Nos dois primeiros jogos, empate. Primeiro, um 2 a 2 no Mineirão, com gols de Dinei e Marcelinho. Depois, no Morumbi, 1 a 1, graças a novo gol do camisa 7 alvinegro. A decisão, então, ficou para o dia 23. Às vésperas do natal, o Timão fez valer sua superioridade e, com tentos da dupla Edilson e Marcelinho deixou o gramado com 2 a 0 no placar e o título garantido.

A campanha para selar o segundo título de Brasileirão do Corinthians foi inquestionável. Em 32 partidas, o time de Luxemburgo venceu 18, empatou sete e perdeu outras sete. Foram 57 gols marcados e 38 sofridos até erguer a taça - que seria novamente do Timão no ano seguinte.

Veja mais em: Jogos Históricos, História do Corinthians e Ídolos do Corinthians.

Veja Mais:

  • Fábio Santos, Gabriel e Jô comemorando o gol do lateral contra o Coritiba, pelo Brasileirão

    Fábio Santos marca, Corinthians vence Coritiba e respira no Campeonato Brasileiro

    ver detalhes
  • Fábio Santos no duelo com o Coritiba, pelo Brasileirão, no Couto Pereira

    Fiel elege Fábio Santos como melhor em campo na vitória do Corinthians; reserva é o pior

    ver detalhes
  • Walter no duelo contra o Coritiba, pelo Brasileirão, no Couto Pereira

    Vagner Mancini diz que Cássio não está lesionado e que fez 'opção segura' por Walter

    ver detalhes
  • Jogadores comemoram gol de Fábio Santos, contra o Coritiba, no Couto Pereira

    Torcida do Corinthians se anima com primeiro tempo e exalta Mancini; veja repercussão após vitória

    ver detalhes
  • Lucas Piton no duelo contra o Coritiba, pelo Brasileirão, no Couto Pereira

    Análise: Corinthians descobre um ponta canhoto e joga para ganhar; time mostra que pode mais

    ver detalhes
  • Arqueiro Cássio na derrota para o Atlético Mineiro, na Neo Química Arena, pelo Brasileirão

    Cássio e Bruno Méndez são denunciados no STJD e vão a julgamento na segunda-feira

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: