Sem ver grande queda da equipe, Clayson comenta mudanças de esquema no Corinthians

Sem ver grande queda da equipe, Clayson comenta mudanças de esquema no Corinthians

Por Meu Timão

1.4 mil visualizações 30 comentários Comunicar erro

Clayson aprovou as mudanças de Carille no esquema do Corinthians

Clayson aprovou as mudanças de Carille no esquema do Corinthians

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O técnico Fábio Carille tem usado o estadual para testes no Corinthians. Ainda sem definir uma equipe titular, o treinador busca alternativas de esquemas e peças para alcançar o melhor desempenho possível. Como resposta aos últimos três jogos sem vencer, o Timão vai para o Dérbi deste sábado, às 17h, sem centroavante. Clayson não vê problema nas alterações e acredita que elas podem surpreender os adversários.

"Eu procuro sempre me encaixar no esquema proposto e tenho essa facilidade, já que posso fazer a função mais pelos lados ou pelo meio. Então, o que o Carille achar melhor, creio que posso ajudar. Ele tem procurado variar, até para poder também surpreender. É importante termos essas mudanças, pois a temporada é longa, vai haver uma troca constante de jogadores e isso dá mais segurança", disse, em entrevista ao Lance!.

Leia também:
Com mosaico, bandeirão e Romero de '9', Corinthians encara Dérbi em pré-estreia na Libertadores
Em casa, Corinthians joga podendo encostar em retrospecto geral do clássico contra o Palmeiras

Além de negar qualquer dificuldades pelas seguidas mudanças, Clayson também deixou claro que não vê uma queda de rendimento tão grande no Corinthians. Para o atacante, o duelo contra o Red Bull Brasil, na última segunda-feira, acabou sendo decidido em um lance de infelicidade.

"Não acho que tenha caído tanto assim. Na verdade os resultados não vieram nas últimas partidas. Mas não fomos tão mal. Contra o Red Bull Brasil criamos chances e levamos o gol já na parte final. Diante do São Bento tivemos oportunidades também, muita posse de bola, mas o gol não saiu. São situações que podem acontecer, de haver uma variação, o que é normal", analisou.

"Foi assim também durante o Brasileiro do ano passado e acabamos campeões. Chegaram jogadores novos, outros saíram, existe uma mudança de esquema, então acaba sendo natural essa variação", completou.

Veja mais em: Clayson e Campeonato Paulista.

Veja Mais:

  • Timão pode erguer troféu da Liga Ouro já na sexta-feira, na casa do São José

    Corinthians vence batalha com quatro prorrogações e fica a uma vitória do título da Liga Ouro

    ver detalhes
  • Maioria dos titulares de Loss já completou sétimo jogo no BR; Cássio e Fagner, sequer seis

    Doze corinthianos já completaram sete jogos no Brasileirão; veja quem ainda pode se transferir

    ver detalhes
  • Caetano tem 18 anos e estava no Botafogo

    Corinthians acerta contratação de zagueiro indicado por Barroca, técnico do Sub-20

    ver detalhes
  • Léo Jabá tem contrato de cinco temporadas com o FC Akhmat Grozny

    Jabá encaminha transferência à Grécia, e Corinthians pode ganhar mais de R$ 4 milhões

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes