Confira os números do massacre corintiano no Pacaembu

É possível resumir a história do jogo deste domingo entre Corinthians e São Paulo aos gols da vitória alvinegra por 3 a 0.
Segundo gol do Corinthians sobre o São Paulo na goleada de 3x0

Segundo gol do Corinthians sobre o São Paulo na goleada de 3x0

É possível resumir a história do jogo deste domingo entre Corinthians e São Paulo aos gols da vitória alvinegra por 3 a 0. Porém, uma análise mais detalhada dos dados do clássico paulista da 15ª rodada do Campeonato Brasileiro aponta uma superioridade técnica do time de Adilson Batista sobre o de Sérgio Baresi - que levou a melhor em números importantes, segundo o Footstats, mas se mostrou menos eficiente em pontos cruciais, como desarmes e finalizações.

Entre as armas ofensivas corintianas, Jorge Henrique e Bruno César não balançaram as redes, mas se destacaram com boas atuações. O primeiro acertou quatro cruzamentos para a área tricolor (mais do que qualquer outro jogador em campo), enquanto o segundo acertou três finalizações, das cinco que arriscou - mais trabalho para Rogério Ceni.

A defesa são-paulina, ponto forte da equipe nos tempos de Muricy Ramalho, apresentou falhas um tanto quanto comprometedoras no Pacaembu. Rodrigo Souto e Casimiro realizaram três desarmes cada, liderando a estatística no time - o jovem da base, porém, errou outros três que tentou.

No Corinthians, predomínio no meio de campo, com cinco desarmes de Ralf e três de Jucilei, que ainda errou uma tentativa. Também no duelo de volantes, o São Paulo levou a pior.

Ralf e Casimiro "morderam" bastante, e o preço veio em outra estatística: as faltas. O corintiano cometeu seis, uma a mais que o são-paulino. Disposto a usar também a força para segurar o rival do Morumbi, o Corinthians cometeu mais faltas: 26 a 17.

Porém, os alvinegros também levaram a melhor no campo de ataque, liderando com folga a estatística das finalizações. Com as três de Bruno César, foram nove - contra quatro do São Paulo, que arriscou a gol três vezes com Ricardo Oliveira. O atacante, porém, protagonizou os quatro impedimentos são-paulinos no jogo.

Curiosamente, o São Paulo mostrou mais toque de bola acertando mais passes que o rival (368 a 293) e errando menos (33 a 40). Porém, diante dos desarmes menos eficientes dos são-paulinos, o Corinthians sofreu menos com bolas perdidas: foram 34, contra 44 do São Paulo.

Confira os principais números do clássico Corinthians x São Paulo:

Cruzamentos
Corinthians 5 x 5 São Paulo

Desarmes
Corinthians 18 x 13 São Paulo

Dribles certos
Corinthians 7 x 8 São Paulo

Faltas cometidas
Corinthians 26 x 17 São Paulo

Finalizações certas
Corinthians 9 x 4 São Paulo

Lançamentos certos
Corinthians 15 x 17 São Paulo

Passes certos
Corinthians 293 x 368 São Paulo

Bolas perdidas
Corinthians 34 x 44 São Paulo

GOLS!!
Corinthians 3 x 0 São Paulo



Fonte: Terra

Confira os números do massacre corintiano no Pacaembu Confira os números do massacre corintiano no Pacaembu 0

Veja Mais:

  • Destaque do CRB, Luidy está próximo de ser o novo reforço do Corinthians

    Corinthians acerta contratação de atacante

    ver detalhes
  • Carille tem pacote de desfalques para próximo compromisso do Corinthians

    Carille ganha problemas para escalar Timão, e Willians pode aparecer

    ver detalhes
  • Walter vem sendo reserva de Cássio desde 2013, quando chegou ao Corinthians

    Walter volta a negar especulação de rivais, mas cogita ser negociado pelo Corinthians

    ver detalhes
  • Arena Corinthians tem negociação dos NR atrasada há mais de três anos

    Arena Corinthians confirma tentativa de NR, mas expõe falta de garantias de novo patrocinador

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes