Caso Willian pode terminar com atitude radical de Andrés: desistência?

Presidente do Corinthians decidirá se Timão sai da negociação ou compra 100% dos direitos do atacante

Willian treina no Centro de Treinamento Joaquim Grava há mais de uma semana, mas segue sem ser apresentado oficialmente pelo Corinthians. Uma situação que irrita o presidente Andrés Sanchez, que está decidido a tomar uma atitude radical caso as partes envolvidas na negociação não cheguem rapidamente a uma definição do caso.

Segundo o LANCENET! apurou, o mandatário corintiano está disposto a tomar dois caminhos até o fim de semana. Um deles é o fim do acordo, que acabaria com o sonho do jovem jogador de vestir a camisa alvinegra ao lado de Ronaldo. O atleta, então, teria de deixar o CT.

A outra medida que neste momento passa pela cabeça de Andrés é a compra de 100% dos direitos econômicos, passando, assim, por cima do Banco BMG, que já tem um acordo com os atuais donos, o Atlético-PR e o empresário Eduardo Uram, que possuem 50% cada.

– Acho que já basta, né? O Andrés não está nada satisfeito e vai fazer algo para acabar essa enrolação – afirmou uma das pessoas próximas ao mandatário corintiano.

A demora para a oficialização da contratação de Willian está sendo causada por discussões entre os representantes do BMG e Uram, que não se acertam em relação a valores da compra, tempo de contrato e forma de pagamento. Uma situação que atrasa a apresentação oficial do jogador, que já treina com os companheiros há alguns dias.

A reportagem do LANCENET! entrou em contato com Uram, que desmentiu qualquer problema na condução do negócio. Segundo ele, apenas questões jurídicas separam o anúncio oficial pelo Corinthians.

– A parte do negócio já está consumada, o que falta é uma parte burocrática. Essa questão dos advogados é muito demorada mesmo. Até amanhã (hoje) acho que já estará tudo definido – afirmou.

A declaração do empresário, que poderia soar como tranquilizadora para a torcida e também para o atleta, não muda a situação. Nos últimos dias, Uram fez a mesma afirmação em relação à demora para a apresentação oficial do jogador. Segundo ele, “tudo já estava resolvido e Willian vestiria a camisa do Timão nas próximas horas”.

Será mesmo?

Entenda o caso

Situação do jogador

Os direitos econômicos de Willian pertencem a dois donos, ambos com 50%: Atlético-PR e Eduardo Uram, empresário conhecido no meio do futebol que também agencia o jogador. Seu direitos federativos pertenciam ao Figueirense até dezembro de 2010


A compra do BMG

O Banco BMG, que possui parte dos direitos economicos de vários atletas, resolveu apostar em Willian. Com a necessidade de colocá-lo na vitrine, ofereceu ao Corinthians, que não pensou duas vezes. A empresa, então, partiu para a compra dos seus direitos economicos. O Atlético-PR, que estava irredutível no início, posteriormente aceitou vender sua parte. Eduardo Uram, por sua vez, já havia acordado desde o início em vender seus 50%.

O entrave

BMG e Uram, neste momento, discutem valores, tempo de contrato e forma de pagamento. Uma situação que atrasa a apresentação oficial do jogador, que já treina com seus companheiros há alguns dias. O presidente Andrés Sanchez está irritado com a situação e deu um ultimato aos envolvidos nos últimos dias. Ele quer Willian logo.

Caso Willian pode terminar com atitude radical de Andrés: desistência?

Enviado por: Gabriel Silva

Caso Willian pode terminar com atitude radical de Andrés: desistência? Caso Willian pode terminar com atitude radical de Andrés: desistência? 0

Veja Mais:

  • Há dez jogos como titular absoluto, Rodriguinho está fora do duelo contra o Botafogo

    Intocável no Corinthians, meia fica de fora pela primeira vez em dez jogos

    ver detalhes
  • Corinthians e Cruzeiro se enfrentam nesta quarta, em Itaquera

    Globo deixa rival de lado e exibe Corinthians e Cruzeiro para sete estados do Brasil

    ver detalhes
  • Rodrigo treinou normalmente na manhã desta segunda-feira

    Recuperado de lesão, joia da base treina pela primeira vez no CT

    ver detalhes
  • Walter foi elogiado por Zetti, ex-goleiro da Seleção Brasileira

    Zetti vê Walter como melhor goleiro de todas as equipes da Copa do Brasil

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes