Dinei afirma que diretoria do Corinthians tem medo dele

Dinei afirma que diretoria do Corinthians tem medo dele

Em uma conversa sobre futebol com o ator Thiago Gagliasso durante o reality show A Fazenda 4, Dinei soltou o verbo e disse, depois de analisar os elencos atuais de Corinthians e Flamengo, que a diretoria alvinegra tem medo dele. Na afirmação, o ex-jogador colocou-se no mesmo patamar de outros dois ídolos corintianos.

"A diretoria tem medo de mim, cara. Eles têm medo só de três caras: eu, o Ronaldo goleiro e o Neto. Nós somos bocudos, falamos o que pensamos mesmo, na lata. Eles sabem bem da influência que eu tenho com os torcedores, então eles sempre pedem a minha opinião sobre diversos assuntos", afirmou Dinei.

Depois de Gagliasso enaltecer a carreira dos jogadores, principalmente quando marcam gols em um estádio lotado, Dinei lembrou que a sensação é ainda maior quando se faz pelo clube que você torce e em uma decisão - o corintiano foi um dos principais jogadores na conquista do Campeonato Brasileiro de 1998, inclusive fazendo gols na final contra o Cruzeiro.

Por fim, Dinei ainda afirmou que a torcida uniformizada Gaviões da Fiel, a maior do clube, sempre gostou da personalidade dele e lembrou da festa em homenagem com mais de 50 mil pessoas. Além disso, o ex-atacante citou que nunca foi um grande jogador, mas sempre ajudou nos momentos decisivos.

Dinei afirma que diretoria do Corinthians tem medo dele

Fonte: Terra

Veja Mais:

  • Corinthians volta a jogar nesta segunda pela Liga Nacional

    Corinthians encara 'reforçado' Sorocaba na primeira final da Liga Nacional

    ver detalhes
  • Pelada registrada no Amapá, onde Caio presenciou o tradicional 'futilama'

    Do Amapá à Antártida: torcedor do Corinthians, fotógrafo percorre o mundo em busca de peladas

    ver detalhes
  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes