Sem disputar nada, Corinthians ainda lidera rankings de torcida no estádio

Sem disputar nada, Corinthians ainda lidera rankings de torcida no estádio

Sem disputar nada, torcida continua comparecendo em grande número ao estádio

Sem disputar nada, torcida continua comparecendo em grande número ao estádio

Longe da briga pelo título e contra o rebaixamento, além de já estar classificado para a Copa Libertadores de 2013, o Corinthians tem poucos objetivos no Campeonato Brasileiro deste ano.

Mesmo assim a sua torcida tem comparecido em peso aos jogos. Afinal, pelo menos até a 25ª rodada, o time paulista liderou os rankings de público e renda. De acordo com dados da Stochos Sports & Entretainment, consultoria especializada em marketing esportivo, a média do público alvinegro até caiu 8,1% em comparação com o ano passado, mas os corintianos ainda estão com grande vantagem.

Em 2011, na 25ª rodada o Corinthians não liderava o Campeonato e nem os rankings de torcida. Em segundo lugar na tabela, a torcida era apenas a quarta mais presente nos estádios. Já nesta temporada, mesmo com a nona posição e a falta de objetivos, a empolgação tem tomado conta dos corintianos. Animados pelos títulos recentes, eles fizeram o time ter uma média de 25.211 torcedores até a 25ª rodada, o que rendeu R$ 728.141,72 aos cofres alvinegros.

"Acredito que a empolgação com o título da Libertadores este ano contribuiu para esses números expressivos. A diferença é bem grande em relação aos demais", destacou César Gualdani, sócio-diretor da Stochos Sports & Entretainment. E de fato a vantagem é grande: na média de público o segundo lugar é o Grêmio, com 18.971 torcedores, quase sete mil a menos que o Corinthians. É o ano de despedida dos gremistas do Olímpico e o time ainda tem feito boa campanha, o que tem aumentado a presença da torcida.

Aliás, entre os candidatos ao título, o Atlético-MG também se destaca positivamente, em terceiro lugar no ranking de público. A média é de 18.309, mais de cinco mil a mais do que no ano passado. Aliás, esse crescimento só é comparável ao do rival Cruzeiro - de 8.722 em 2011 houve um aumento de quase 50%, com 13.027 na média deste ano.

O que também chama atenção nos rankings é a baixa média dos times cariocas. Costumeiramente criticado pelas torcidas, o Engenhão tem recebido média inferior a de dez mil em jogos de Fluminense (8.880), Botafogo (9.765) e até do Flamengo (8.784), que sempre lidera os rankings de torcida pelo Brasil. E em São Januário não tem sido diferente: em boa campanha no Brasileiro, o Vasco tem a pior média dos cariocas - 8.303 torcedores por jogo.

Outro dado negativo é a queda da média de público do Campeonato Brasileiro em geral. Entre os 20 times participantes, apenas quatro têm conseguido aumentar a presença da sua torcida em relação ao ano passado - Cruzeiro, Atlético-MG, Grêmio e Fluminense. As outras equipes terão o desafio de pelo menos conseguir esse aumento nas rodadas restantes do Campeonato Brasileiro.

Fonte: Terra

Veja Mais:

  • Michel (à esq.) e o sobrinho foram ao Maracanã naquele 23 de outubro

    Terceiro corinthiano solto no Rio desabafa: 'Fui pra ver o jogo, não pra brigar'

    ver detalhes
  • Torcedores na Arena poderão adicionar patch da Chapecoense em camisas

    Loja da Arena irá personalizar grátis camisas em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes
  • Corinthians já definiu profissionais que devem permanecer e ser negociados

    Isaac, Mendoza, Oswaldo... Confira quem chega e quem sai do Corinthians

    ver detalhes
  • É tudo política, estúpido!

    [Marco Bello] É tudo política, estúpido!

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes