Globo fatura audiência recorde com Corinthians bicampeão mundial

Globo fatura audiência recorde com Corinthians bicampeão mundial

O gol de Guerrero e as defesas importantes do goleiro Cássio deram ao Corinthians o bicampeonato mundial e para as emissoras abertas que exibiram a decisão de Yokohama números recordes de audiência na manhã deste domingo.

De acordo com a coluna "Radar on-line", assinada por Lauro Jardim no site da Revista Veja, números prévios do Ibope para a Grande São Paulo apontaram 32 pontos para a transmissão de Galvão Bueno na Globo, que em dias "normais" costuma marcar em torno de oito, e 12 pontos para a Band, que habitualmente não passa de dois no horário. Assim, ambas deixaram a concorrência bem longe: Record e SBT não foram além de dois e um ponto, respectivamente.

Na goleada do Barcelona de Messi sobre o Santos de Neymar, decisão do Mundial de Clubes no ano passado, a Globo, que teve Cléber Machado narrando aquela final, registrou números bem parecidos: fez 31 pontos. Só que a transmissão foi exclusiva da emissora carioca, sem a Band, diferente do que ocorreu neste ano. Somado o Ibope de Globo e Band, Corinthians 1 x 0 Chelsea rendeu 44 pontos de audiência na TV aberta (cada ponto equivale a 60 mil domicílios na Grande São Paulo).

Fonte: Yahoo

Veja Mais:

  • Corinthians pode chegar a dez pontos de diferença nesta quarta-feira

    Grêmio empata no Sul e Corinthians só perde um ponto de diferença na tabela; confira

    ver detalhes
  • Titular contra o Vitória, Gabriel se posicionou sobre a derrota em rede social

    'Mais forte do que nunca': jogadores do Corinthians comentam derrota nas redes sociais

    ver detalhes
  • Rodriguinho foi um dos destaques do duelo na Arena; arbitragem bastante questionável

    Juiz 'esquece' pênaltis, Corinthians para na retranca do Vitória e perde a primeira no Brasileirão

    ver detalhes
  • Carille ressaltou aprendizados com revés do Corinthians para o Vitória

    Carille tira lições de derrota e nega relação entre perdas e período sem jogos

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes