Gabriel lamenta pouca efetividade do Corinthians contra Vitória: 'Poderia ter sido melhor'

Gabriel lamenta pouca efetividade do Corinthians contra Vitória: 'Poderia ter sido melhor'

Por Meu Timão

1.2 mil visualizações 26 comentários Comunicar erro

Gabriel entrou no segundo tempo do empate sem gols entre Corinthians e Vitória

Gabriel entrou no segundo tempo do empate sem gols entre Corinthians e Vitória

Foto: Rodrigo Gazzanel / Ag. Corinthians

O empate de 0 a 0 diante do Vitória, em Salvador, marcou a estreia do Corinthians na Copa do Brasil nesta quarta-feira. O volante Gabriel, que entrou durante o segundo tempo do duelo, apontou a falta de efetividade no ataque da equipe alvinegra como principal motivo para o placar igualado. Contudo, o resultado não foi visto como ruim pelo camisa 5.

"Empate fora de casa não classifico como ruim, mas é lógico que poderia ser melhor porque jogamos para vencer. Tivemos oportunidades de sair com a vitória, não conseguimos. Agora é concentrar, descansar, para que na próxima partida, da volta, dentro da nossa casa, a gente faça um grande jogo", disse Gabriel, enquanto deixava o estádio do Barradão.

Atual campeão brasileiro, o Corinthians entra na disputa da Copa do Brasil já nas oitavas de final, sem disputar o mata-mata classificatório da competição. Para Gabriel, o desempenho da equipe na estreia não foi dos melhores, ainda que haja espaço para evolução.

"A gente se cobra para melhorar, poderia ter sido melhor, agora é ver o que errou, o que acertou, para estar melhorando. Agora é pensar no Atlético-MG, no Campeonato Brasileiro, onde somos o líder. Depois pensar na Copa do Brasil, quando vier. Sabemos que temos uma maratona de 14, 15 jogos até a parada da Copa", analisou o volante do Timão.

Leia também:
Jadson, Clayson, Carille... Empate com Vitória rende notas vermelhas a corinthianos
Treinador do Corinthians confirma Roger na viagem a Belo Horizonte, mas faz uma ressalva

Ainda sobre o empate desta quarta-feira, Gabriel foi categórico quando questionado sobre a postura defensiva do Vitória em casa. "Normalmente as equipes vêm fechadas jogar contra a gente, buscando contra ataque, tentando jogar no nosso erro, isso na nossa arena e atá fora de casa. Não surpreendeu a postura deles. O Vitória é uma grande equipe", completou.

Corinthians e Vitória definem a vaga para as quartas de final da Copa do Brasil no próximo dia 10 de maio, às 19h30, na Arena em Itaquera - a data ainda não foi confirmada pela CBF. O Timão precisa vencer os baianos por qualquer placar no embate de volta para avançar na disputa.

Antes disse, o Corinthians enfrenta mais um desafio pelo Campeonato Brasileiro desta temporada. A equipe entra em campo neste domingo, diante do Atlético-MG, em Belo Horizonte. Para Gabriel, a maratona de jogos não deve atrapalhar o desempenho do elenco alvinegro.

"Essa rotina é do futebol brasileiro, não podemos reclamar. Quarto jogo seguido fora de casa, tem viagem, aeroporto, concentração, hotel, faz parte. Temos que estar preparados, e estamos preparados mental e fisicamente para suportar até a parada da Copa. Sabemos que é um ano atípico", finalizou.

Veja mais em: Gabriel e Copa do Brasil.

Veja Mais:

  • Jair passa orientação a Thiaguinho, novo segundo volante titular do Timão

    Jair pode repetir Corinthians para duelo com Atlético-PR; veja única dúvida na escalação

    ver detalhes
  • Carlos Augusto, que está na Seleção Brasileira Sub-20, embarca de Goiânia; Vital e os demais viajam para Curitiba saindo de São Paulo

    Com Carlos Augusto, Corinthians relaciona 23 jogadores para enfrentar o Atlético-PR

    ver detalhes
  • Corinthians caiu nas oitavas de final da Sul-Americana 2017, para o Racing (ARG)

    Menos tenso, Corinthians busca a Sul-Americana 2019; seis motivos mostram importância do torneio

    ver detalhes
  • Andrés Sanchez e Matias Ávila participaram do Papo Reto desta terça-feira

    Déficit do Corinthians sobe para R$ 26 milhões, mas diretoria comemora ao comparar com 2017

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes