Com show de Pedrinho e Vital na competição, Seleção Brasileira é campeã em Toulon

Com show de Pedrinho e Vital na competição, Seleção Brasileira é campeã em Toulon

Por Meu Timão

84 mil visualizações 196 comentários Comunicar erro

Pedrinho deu show de habilidades no Torneio de Toulon

Pedrinho deu show de habilidades no Torneio de Toulon

Reprodução/ CBF

Com Pedrinho jogando bem entre os titulares da grande final, a Seleção Brasileira Olímpica voltou a ser campeão do Torneio de Toulon depois de cinco anos. Os brasileiros empataram com o Japão em 1 a 1 no tempo normal, e superaram os adversários no pênaltis - Brasil (5) x (4) Japão.

Durante a competição, Pedrinho se destacou por lances de habilidade, dribles e bom desempenho no geral, assim como Vital que também foi destaque do torneio. Na semifinal, o Brasil superou a Irlanda por 2 a 0 e fez o seu jogo mais difícil na manhã desse sábado. Os brasileiros abriram o placar, mas, em um raro momento de falha da defesa, cederam o empate ao Japão na finalíssima.

Mesmo com o empate, os brasileiros foram superiores aos japoneses, mas tiveram dificuldades na conclusão das jogadas. O meia corinthiano Pedrinho, que começou a partida entre os titulares, fez boas jogadas e criou chances de gol ao Brasil, mas seus companheiros não aproveitaram todas as oportunidades.

A exemplo do que acontece no Corinthians muitas vezes, Pedrinho deixou o campo para a entrada de Mateus Vital.

Pênaltis

A partida acabou empatada em 1 a 1 e foi para a disputa de pênaltis. O Brasil converteu a primeira cobrança com Mateus Vital. O goleiro adversário chegou a tocar na bola, mas não o suficiente para impedir o gol. Os japoneses também converteram a primeira oportunidade.

Douglas balançou a rede para o Brasil na segunda cobrança, e os japoneses igualaram o placar.

Matheus Henrique foi o responsável pela terceira cobrança brasileira e converteu. Os japoneses também converteram - Ivan chegou a tocar na bola, mas não impediu o gol.

A quarta cobrança foi de Wendel, que marcou para o Brasil. Os japoneses não desperdiçaram a oportunidade e deixaram tudo igual.

Na quinta cobrança veio a decisão. Lyanco converteu e fechou as cinco cobranças brasileiras. Na cobrança japonesa, Ivan caiu para o canto certo e defendeu, conferindo o título ao Brasil.

Gafe do torneio

A página oficial do Torneio de Toulon no Twitter cometeu uma confusão ao divulgar as escalações: quase todos os jogadores foram creditados em clubes que não atuam. Os únicos certos foram Ivan, da Ponte Preta, Matheus Cunha, do RB Leipzig, e Paulinho, do Bayer Leverkusen.

O Corinthians foi envolvido duas vezes na gafe. Pedrinho, que começou entre os titulares, foi creditado como atleta do Grêmio, e Antony, do São Paulo, foi creditado como atleta corinthiano.

Confira o tweet da página

Confira algumas fotos da final

.

Reprodução/ CBF

.

Reprodução/ CBF

.

Reprodução/ CBF

Veja mais em: Corinthianos na Seleção, Pedrinho e Mateus Vital.

Veja Mais:

  • Matheus Jesus fez o único gol do Corinthians no jogo-treino

    Com gol no último lance, Corinthians empata com o Juventus em jogo-treino no CT Joaquim Grava

    ver detalhes
  • Matheus Jesus anotou o gol de empate do jogo-treino no CT Joaquim Grava

    Destaques, falhas e gol no último lance: veja o que cada jogador do Corinthians fez no jogo-treino

    ver detalhes
  • Contrato de Romero com Timão se encerrou neste domingo, dia 14

    Andrés explica polêmica negociação com Romero: 'Não aceitou o terceiro maior salário do Corinthians'

    ver detalhes
  • Andrés Sanchez afirma que Corinthians ficou perto de anunciar Gabigol e Thiago Neves

    Andrés diz que Gabigol e Thiago Neves estavam apalavrados com Corinthians no início do ano

    ver detalhes

Comente a notícia: