Gil é apresentado no Corinthians: 'Voltei pelo prazer de jogar futebol outra vez'

Gil é apresentado no Corinthians: 'Voltei pelo prazer de jogar futebol outra vez'

19 mil visualizações 159 comentários Comunicar erro

Gil vestiu a camisa do Corinthians no gramado antes de chegar à sala de imprensa

Gil vestiu a camisa do Corinthians no gramado antes de chegar à sala de imprensa

Rodrigo Vessoni

Após responder algumas perguntas de torcedores do Corinthians, membros do Fiel Torcedor, o zagueiro Gil foi apresentado de forma oficial pelo clube na sala de imprensa do CT Joaquim Grava, nesta sexta-feira.

E o jogador não escondeu a alegria pelo retorno ao clube que atuou entre 2013 e 2016 - ao todo, foram 184 jogos, sete gols marcador e três títulos (Paulista-13, Recopa-13 e Brasileirão-15).

"A motivação foi a vontade de jogar novamente no Corinthians, se sentir em casa novamente. Construí uma história muito bonita na China, mas chegou a hora de sentir novamente prazer em jogar futebol. Foram três anos difíceis. Os jogadores do Corinthians ficaram mandando mensagens. Voltei para ser feliz novamente, voltei para casa, para uma torcida que me acolheu super bem", afirmou.

Gil com o filho Gilzinho no treino realizado na manhã desta sexta

Gil com o filho Gilzinho no treino realizado na manhã desta sexta

Rodrigo Vessoni

"O mais importante é voltar a ser feliz. Tinha uma proposta de renovação por mais um ano, e falei pro presidente que se fosse pra não ser feliz, não valeria. Foi uma relação de muito respeito. A decisão estava tomada e nada ia me fazer voltar atrás", completou.

Mesmo com pouco tempo de treino, Gil já assume a titularidade do Timão neste domingo, quando a equipe de Carille enfrentará o CSA, às 16h, na Arena Corinthians. Será o retorno do Campeonato Brasileiro após a pausa da Copa América.

'Não' a outros clubes

Gil escolheu o Corinthians na volta ao Brasil. Na mesma entrevista coletiva, o zagueiro deixou claro que foi procurado por rivais corintianos, mas que optou por retornar ao clube onde fez uma história. Flamengo e Grêmio foram dois clubes que o procuraram.

"Sim, fui procurado. Depois que consegui a liberação, tinha dado a palavra ao presidente de que voltaria para cá. (...) Decidi voltar para o Corinthians. Falei que, voltando ao Brasil, eu voltaria ao Corinthians, porque me senti muito bem aqui na primeira passagem", lembrou.

"É bom sentir esse carinho, esse apoio. A primeira passagem foi muito boa, e espero continuar fazendo meu melhor trabalho. Tem que vestir a camisa com amor. Espero dar continuidade ao meu trabalho, ajudar bastante meus companheiros e me integrar o mais rápido possível. A responsabilidade é grande, mas estou preparado para isso", completou.

Veja mais em: Gil e CT Joaquim Grava.

Veja Mais:

  • Estádio ganhou novos espaços destinados ao público VIP

    Com novos camarotes, Arena Corinthians inicia concorrência interna por público VIP

    ver detalhes
  • Corinthians jogou bem, mas ficou no empate com o Flamengo em Itaquera

    Corinthians perde uma posição e termina rodada do Brasileirão no meio da tabela

    ver detalhes
  • Jogador assinou contrato nesta segunda

    Corinthians 'vence' River Plate e fecha com meia colombiano comparado a James Rodríguez

    ver detalhes
  • [Marco Bello] Corinthians deve vender jogadores para fechar orçamento de 2019; diretor revela atraso

    ver detalhes

Comente a notícia: