Corinthians bate o Mirassol com novo gol de Éderson e garante vaga na final do Paulistão

22 mil visualizações 361 comentários

Éderson marcou seu terceiro gol depois da paralisação

Éderson marcou seu terceiro gol depois da paralisação

Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Corinthians 1 X 0 Mirassol

Paulista 2020
02 de agosto de 2020, 16:00
Corinthians 1 x 0 Mirassol
Neo Química Arena

O Corinthians continua vivo na luta pelo tetracampeonato paulista. Na tarde deste domingo, a equipe alvinegra bateu o Mirassol por 1 a 0, na Arena, e garantiu vaga na grande decisão do torneio estadual. O gol foi marcado por Éderson.

Contra um adversário bem postado, o time de Tiago Nunes encontrou dificuldades para criar. Com um a mais na segunda etapa, porém, achou o gol da vitória em nova finalização de longa distância do volante, que chega a três gols nos últimos três jogos.

Anote aí!

Agora, o Corinthians encara o Palmeiras na final, que será decidida em duelos de ida e volta. Os jogos acontecem na quarta-feira e sábado.

Escalações

Apesar da enorme expectativa pela volta de Victor Cantillo, o colombiano segue fora do banco de reservas do Corinthians, que foi a campo com a mesma escalação que bateu o Red Bull Bragantino por 2 a 0 na fase anterior.

Tiago Nunes, então, montou sua equipe com Cássio; Fagner, Gil, Danilo Avelar e Carlos; Gabriel, Éderson, Ramiro, Luan e Mateus Vital; Jô.

Escalação provável

Do outro lado, o Mirassol escalou Kewin; Danilo Boza, Wellington e Reniê; Alison, Daniel Borges, Zé Roberto, Eduardo e Moraes; Bruno Mota e Juninho.

O jogo

Primeiro tempo

Mesmo em casa, o Corinthians não começou a partida dominando o adversário. Nos primeiros minutos, a equipe alvinegra tentou ficar com a posse, mas teve que lidar com algumas boas trocas de passe dos visitantes.

Não demorou, porém, para a equipe de Tiago Nunes tomar o controle da partida e ficar com a possa, circulando a área adversária em busca de espaços para criar chances de gol. A primeira boa chance, no entanto, foi do Mirassol. Em boa cobrança de falta de longe, Cássio fez linda defesa para evitar o gol.

Pouco depois do lance, foi a vez do Timão chegar. Em belo lançamento de Vital, Fagner apareceu em condição de finalizar na direita, mas acabou travado pelo defensor na hora do chute.

Aos 25 minutos, veio a melhor chance alvinegra. Em descida de Carlos pela esquerda, Vital recebeu no meio da área e finalizou na trave. Quatro minutos mais tarde, Éderson foi ao fundo e tocou bem para o meio, mas Jô não conseguiu completar e a bola passou por toda a pequena área.

Depois disso, o Corinthians seguiu com dificuldades para furar a linha de cinco defensores do Mirassol, criando pouquíssimas oportunidades. Do outro lado, o time visitante buscou alguns contra-ataques, mas sem perigo para Cássio.

Segundo tempo

O Timão voltou para o segundo tempo com o mesmo domínio e, logo aos três minutos, criou uma chance: Carlos cruzou bem para a área e Luan bateu travado com perigo. Cinco minutos mais tarde, o camisa 7 parou em excelente defesa de Kewin, quase em cima da linha.

Aos 16 minutos, o jogo teve mudanças importantes. Primeiro, Juninho foi expulso por entrada violenta em Carlos. No Timão, Sidcley entrou na vaga de Carlos e Janderson ocupou a vaga de Ramiro.

Depois da troca e com um homem a mais, o Corinthians se lançou ainda mais ao ataque, apostando muito na velocidade de Janderson pela direita. Do mesmo jeito, o Mirassol se fechou muito e dificultou as coisas para o Timão.

Sem espaço, a equipe alvinegra achou seu gol em fórmula que vem dando certo: de fora da área, Éderson arriscou chute forte por baixo e balançou as redes - é o terceiro gol do volante depois da pausa.

Após o gol, o Mirassol se arriscou mais no ataque e chegou duas vezes à área de Cássio, mas sem muito perigo para o arqueiro alvinegro. Aos 33 minutos, porém, o Timão quase ampliou: Luan bateu escanteio, a bola desviou na zaga e parou no travessão.

O Corinthians seguiu em cima e, em boa enfiada de Jô, Janderson cruzou forte para a área, exigindo boa defesa do goleiro Kewin. No minuto seguinte, aos 37, Araos entrou na vaga de Luan.

Mesmo em vantagem no placar, o Timão continuou com a bola e pressionando o Mirassol, chegando algumas vezes com perigo pelos lados do campo. Antes do apito final, aos 44 minutos, Tiago Nunes ainda mexeu duas vezes: Camacho e Léo Natel entraram nas vagas de Éderson e Mateus Vital.

Pouco depois, Sidcley fez boa jogada pela direita e rolou para Araos, que bateu colocado e forçou o goleiro Kewin a fazer grande defesa para evitar o segundo tento do Timão. No lance seguinte, o Mirassol quase marcou em trapalhada da defesa corinthiana.

Sem o gol, o Corinthians venceu mesmo por 1 a 0 e garantiu vaga na decisão do Paulistão. Agora a equipe espera o adversário da outra semifinal, entre Ponte Preta e Palmeiras.

Veja mais em: Campeonato Paulista.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a notícia: