Corinthians bate o Vasco com mais um gol de 'talismã' Everaldo nos minutos finais

31 mil visualizações 1.066 comentários

Mantuan abriu o placar em noite de mais uma vitória emocionante do Corinthians

Mantuan abriu o placar em noite de mais uma vitória emocionante do Corinthians

Rodrigo Coca / Agência Corinthians

Vasco da Gama 1 X 2 Corinthians

Brasileirão 2020
21 de outubro de 2020, 21:30
Vasco da Gama 1 x 2 Corinthians
São Januário

Goleado pelo Flamengo na última rodada, o Corinthians viajou ao Rio de Janeiro para buscar a recuperação diante de um rival direto na luta contra a queda: o Vasco. Para a alegria da Fiel, os três pontos vieram, com vitória por 2 a 1 graças a novo gol de Everaldo nos acréscimos - Mantuan marcou o outro tento.

Com o resultado, o Timão chega a 21 pontos e sobe para a décima colocação da partida - os demais jogos da rodada, cabe destacar, serão disputados no final de semana.

Agenda: agora, Mancini e seus comandados voltam suas atenções para o duelo contra o América-MG, na próxima quarta-feira, dia 28, pelas oitavas de final da Copa do Brasil. Pelo Brasileirão, a equipe volta a jogar contra o Internacional, no dia 31 de outubro, daqui dez dias, às 19h, na Neo Química Arena.

Escalação

Sem Lucas Piton, machucado, Vagner Mancini promoveu a reestreia de Fábio Santos como titular. Além dele, Éderson, Cazares e Mantuan ganharam oportunidade na equipe, que entrou em campo com Cássio; Fagner, Marllon, Gil e Fábio Santos; Xavier, Ramiro, Éderson, Mateus Vital, Cazares e Gustavo Mantuan.

Escalação

Meu Timão

O jogo

Primeiro tempo

O embate começou bem brigado, com o Vasco tentando atacar pelo lado esquerdo da defesa do Timão. E a primeira oportunidade saiu por ali, em chute forte de Andrey que passou longe do gol de Cássio.

O Corinthians não demorou a dar a resposta. Pelo meio, Cazares deu bom passe por cima para Mantuan. O jovem atacante alvinegro bateu firme para dentro da área e Ramiro se esticou todo para finalizar para fora.

Aos 11, Fábio Santos cruzou na cabeça de Ramiro, que acabou travado pela marcação na hora da cabeçada. No escanteio, Marllon subiu bem, mas cabeceou por cima do gol adversário. Pouco depois, Cássio fez sua primeira interceptação na partida, em finalização de Talles Magno.

Aos 21 minutos, o Vasco quase marcou. Em virada de jogo muito ruim de Fagner, o Vasco tomou a bola e chegou com perigo. Em chute rasteiro, Cássio deu rebote e Ribamar quase aproveitou.

Um minuto depois, o Timão abriu o placar. Em linda bola, Cazares deixou Mantuan na cara do gol. O garoto bateu com categoria e balançou as redes - foi o seu primeiro gol como profissional.

Mesmo com o gol, o Timão seguiu em cima. Aos 28, a equipe chegou com muito perigo em escanteio, que contou com boa defesa de Fernando Miguel e bate rebate perto da linha do gol vascaíno. Pouco depois, aos 33, Cazares bateu firme, nas mãos do arqueiro adversário.

Na sequência, foi a vez do Vasco chegar ao ataque, em bola que parou nas mãos de Cássio. Depois disso, o Corinthians retomou o controle da partida e só não criou mais chances pelos erros no último passe.

Segundo tempo

O Timão começou mantendo a posse de bola na etapa final, mas foi o Vasco quem chegou primeiro ao ataque. Em tabelinha por dentro, Cássio saiu bem para abafar tentativa de Carlinhos dentro da área.

O time da casa passou a gostar do jogo e chegou mais duas vezes. Em cruzamento na área, Ribamar apareceu livre no segundo pau para mandar uma bomba no travessão. Na sequência, Marcos Júnior bateu para fora.

O Corinthians passou a encontrar dificuldades para sair de trás e viu o Vasco crescer. Em cima de Fábio Santos, Vinícius driblou bem para o pé esquerdo e bateu rente ao travessão de Cássio.

Os comandados de Vagner Mancini reagiram e chegaram com perigo. No primeiro lance, Mantuan foi derrubado e pediu pênalti, não marcado pelo juiz. Depois, Xavier chegou a balançar as redes, mas o tento foi anulado por toque na mão de Gil. Logo depois, mais um gol anulado, dessa vez de Ramiro.

O Corinthians melhorou no jogo e quase marcou o segundo. Fagner desceu pela direita e cruzou para Éderson, na marca do pênalti, cabecear por cima do gol. Logo depois do lance, Mantuan deixou o campo para a entrada de Everaldo.

Não deu nem tempo da substituição fazer efeito para o Timão. Em lance pelo alto, Éderson perdeu para Talles Magno, que bateu para o meio e encontrou Ribamar. O atacante desviou de letra para o fundo das redes.

Logo na saída do meio de campo, Vital recebeu bonita bola e saiu cara a cara com Fernando Miguel. O meia alvinegro bateu colocado, mas parou em grande defesa do adversário. Sem o gol, Mancini tentou mexer na equipe para buscar o tento: Camacho e Gustavo Mosquito entraram nos lugares de Éderson e Ramiro. Pouco depois, Luan entrou na vaga do cansado Cazares.

Mesmo com as trocas, o Corinthians mostrou enorme cansaço e deixou o Vasco criar mais oportunidades - a maioria sem perigo para o gol de Cássio.

Ainda que cansado, o Timão achou o gol da vitória. Já aos 45 minutos da segunda etapa, Everaldo foi cruzar, a bola desviou em Henrique e caiu no fundo das redes, lembrando a Fiel da primeira vitória de Vagner Mancini, contra o Athletico Paranaense, também com gol do atacante.

Veja mais em: Campeonato Brasileiro.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a notícia: