Rival do Corinthians tem ídolo paraguaio estreando no comando e tenta resgatar tradição

3.7 mil visualizações 31 comentários

River vem de derrotas no torneio nacional e briga para não voltar à segunda divisão local

River vem de derrotas no torneio nacional e briga para não voltar à segunda divisão local

Divulgação/River Plate

O Corinthians estreia nesta quinta-feira na Copa Sul-Americana, competição da qual ainda não foi campeão, e abre sua caminhada a partir das 21h30 (de Brasília), contra o River Plate-PAR, no estádio Defensores Del Chaco, em Assunção, no Paraguai. Cidade e estádio já conhecidos do clube, mas rival inédito.

O Meu Timão, então, traz para você alguns detalhes a respeito do clube de nome poderoso e história já centenária, mas que nunca conseguiu ser campeão do futebol local nem jogar uma Copa Libertadores da América.

História centenária

O River Plate nasceu em 1911, antes mesmo do tradicionalíssimo Cerro Porteño (1912) e teve na sua primeira década de existência os momentos mais gloriosos. Foi vice-campeão nacional em 1919 e pintou como um dos clubes emergentes de maior sucesso em meio ao clube da "elite", formado tradicionalmente por Guaraní, Libertad e Olimpia.

Sem conseguir repetir o sucesso nos anos seguintes, acabou sofrendo bastante na transição para o futebol profissional, na década de 30. Caiu para a segunda divisão nas décadas de 50 e 80, mas só ficou um longo período no segundo nível do futebol local entre 1994 e 2016, ano em que conquistou o seu terceiro título da Série B - e voltou de vez à primeira divisão.

Pela inconstância e o fato de nem existir Libertadores da América nos seus tempos de glória, o River nunca disputou o principal torneio do continente. Ou seja, a Sul-Americana é o que há de mais importante em termos continentais para a humilde equipe da capital paraguaia.

Péssima fase e risco de queda

A recuperação recente do River está ameaçada na atual temporada. Com uma constante troca de treinadores e problemas financeiros causados pela pandemia da Covid-19, o time faz uma campanha terrível no Campeonato Paraguaio. São apenas seis pontos conquistados em 12 rodadas até aqui, pontuação que o deixa na lanterna do torneio.

O time venceu apenas um jogo, empatou três e perdeu outros oito, marcando sete gols e sofrendo 24. Como o rebaixamento é feito por uma média dos três últimos torneios, o time precisa melhora e muito o seu aproveitamento, em disputa direta com Sportivo Luqueño, 12 de Octubre e Sol de América. Dois dos quatro devem ser os rebaixados.

Ídolo nacional no comando

Ayala, com a camisa 5, está entre o centroavante José Cardozo e o goleiro Chilavert, em foto posada antes do jogo contra a França, na Copa de 1998 - Gamarra é o segundo da esquerda para a direita

Ayala, com a camisa 5, está entre o centroavante José Cardozo e o goleiro Chilavert, em foto posada antes do jogo contra a França, na Copa de 1998 - Gamarra é o segundo da esquerda para a direita

Mary Evans/Allstar by Getty Images

Com a recente derrota para o Sol de América, o clube demitiu Enrique Landaida do seu comando e contratou Celso Ayala, ex-zagueiro de enorme sucesso na época de jogador. Ayala foi campeão da Libertadores com o River Plate e formou dupla com o ídolo corinthiano Gamarra na Copa do Mundo de 1998, quando o Paraguai só foi eliminado no gol de ouro pela França.

Ayala vai estrear contra o Corinthians e já deixou claro que a sua prioridade é local no momento. Em entrevista concedida à Rádio Uno, nesta semana, disse que a "Copa é linda de jogar e se exibir, mas a nossa prioridade é não ser rebaixado para a segunda divisão".

Destaques em campo

O nome que mais chama atenção do time é o meia Pablo Zeballos, que usa a camisa 10 e foi até poupado do último encontro da equipe pelo Campeonato Paraguaio. Aos 35 anos, ele já foi artilheiro do torneio local em três oportunidades e atuou pelo Botafogo em 2014. Zeballos fez quatro gols em 13 jogos na temporada até aqui, sendo dois deles nos dois jogos realizados pela equipe na fase preliminar da Sul-Americana.

Veja mais em: Copa Sul-Americana.

Veja Mais:

  • Corinthians já mira o duelo contra o Always Ready, na quinta-feira

    Corinthians faz trabalhos táticos e conta com seis jogadores da base em reapresentação ao CT

    ver detalhes
  • Ramiro está emprestado ao Al Wasl, dos Emirados Árabes Unidos; clube de Dubai terá de pagar US$ 4 milhões para ficar com o meio-campista

    Corinthians deve ter a volta de seis emprestados em junho, mas apenas três têm chance de ficar no CT

    ver detalhes
  • Vítor Pereira ostenta um bom início de aproveitamento na Neo Química Arena

    Vítor Pereira tem segundo melhor início de um técnico do Corinthians na história da Arena

    ver detalhes
  • Corinthians enfrenta o América-MG pelo Brasileirão neste domingo, às 18h, na Neo Química Arena

    Corinthians inicia venda de ingressos para duelo contra o América-MG na Neo Química Arena

    ver detalhes
  • Boca Juniors vai pagar menos por casos de racismo do que Corinthians por infração a artigo que trata de propaganda no banco de reservas

    Conmebol multa Boca por racismo; valor é menor que pena ao Corinthians por propaganda no banco

    ver detalhes
  • Caio Mello não faz mais parte do quadro de funcionários do Corinthians

    Fisioterapeuta deixa o Corinthians após mais de 13 anos

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x