Análise: Corinthians dá um passo na busca pelo 'padrão de jogo'; esquema parece definido

3.9 mil visualizações 62 comentários

Otero e Cauê em partida entre Corinthians e Huancayo, pela Copa Sul-Americana

Otero e Cauê em partida entre Corinthians e Huancayo, pela Copa Sul-Americana

Rodrigo Coca/Agência Corinthians

O Corinthians tem já um esquema tático no qual parece apostar para os próximos jogos. A ideia do Timão é jogar com João Victor e Raul Gustavo como zagueiros-laterais, um meio-campo que combate com Gabriel e Ramiro, aproveitando a capacidade dos laterais como alas chegando no ataque.

Mancini havia admitido há cerca de um mês que ainda não tinha variação no seu esquema porque ainda não tinha nem o esquema bem definido após a virada da temporada e a saída do meia Juan Cazares. Agora os titulares parecem claros e o time tenta entender o melhor jeito de atuar com esses nomes escolhidos.

No Peru, o Timão ficou frente a frente com um rival de pouquíssima qualidade técnica, mas que tentava jogar por baixo e incomodar o Corinthians com uma construção por baixo. Ou seja, havia espaço no campo de ataque para operar mesmo frente a um adversário bem abaixo da média.

Em campo, João Victor e Raul tiveram ainda mais liberdade para construir e Gabriel e Ramiro, em vez de apenas ficarem no combate da saída do adversário, também puderam fazer um jogo apoiado com os alas. Gabriel foi mal e Ramiro, bem.

A superioridade foi facilitada pelo gol de Luan, outro com bastante liberdade para armar, e ficou clara quando o Corinthians teve até um contra-ataque com Lucas Piton, outro que parece se achar dentro de campo, encontrando Cauê na frente do gol.

O que se pode lamentar do jogo é o segundo tempo, no qual o Corinthians tinha tudo para ampliar bastante o marcador e dar rodagem a nomes que serão importantes na sequência próxima, como Vital e Mosquito. No entanto, os jogadores corinthianos atuaram com uma empáfia pouco condizente com o nível do futebol apresentado.

Luan aproveitou para fazer o seu gol e Mancini decepcionou por não mandar a campo jovens, apostando em Gil, Jô, Fábio Santos... aparentemente o técnico busca deixar os mais experientes satisfeitos, mas é decepcionante não ver jovens poderem atuar em jogos com tanto espaço.

Veja mais em: Copa Sul-Americana.

Veja Mais:

  • Ídolo da Fiel, Paulinho deixou o Corinthians em 2013

    Mãe de Paulinho revela torcida para jogador voltar ao Corinthians

    ver detalhes
  • Danilo Avelar admitiu ter feito um comentário racista durante partida de jogo online

    Danilo Avelar assume comentário racista, pede desculpa e diz que está 'disposto a crescer'

    ver detalhes
  • Danilo Avelar cometeu ato racista durante partida online de CS:GO

    Torcida do Corinthians cobra demissão de Danilo Avelar após caso de racismo; veja tuítes

    ver detalhes
  • Everaldo (Sport), Éderson (Fortaleza) e Bruno Méndez (Inter) são três dos 17 que, neste momento, estão emprestados pelo Corinthians

    Corinthians gastou R$ 68,6 milhões com jogadores que estão emprestados; Bruno Méndez é o mais caro

    ver detalhes
  • Garotos da base reforçaram o treino do profissional nesta terça-feira

    Treino do Corinthians tem liberação de Bruno Méndez e reforços da base nesta terça-feira

    ver detalhes
  • Representantes da Gaviões da Fiel participaram de reunião no Parque São Jorge

    Gaviões se reúne com presidente do Corinthians e cúpula do futebol; veja detalhes do encontro

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x