Corinthians empata clássico contra o Santos pelo Brasileirão em dia de estreia de Giuliano

23 mil visualizações 820 comentários

Giuliano fez sua estreia pelo Corinthians no clássico deste domingo

Giuliano fez sua estreia pelo Corinthians no clássico deste domingo

Danilo Fernandes/Meu Timão

Santos 0 X 0 Corinthians

Brasileirão 2021
08 de agosto de 2021, 16:00
Santos 0 x 0 Corinthians
Vila Belmiro

O Corinthians chegou ao sexto empate no Campeonato Brasileiro. A equipe do técnico Sylvinho ficou no zero a zero com o Santos na tarde deste domingo, na Vila Belmiro, pela 15ª rodada da competição.

Na estreia de Giuliano com a camisa do Timão, o jogador fez um bom primeiro tempo e ajudou o Corinthians a criar algumas chances no contra-ataque. Na segunda etapa, sem alterações antes dos 15 minutos finais, a equipe de Sylvinho foi melhor na partida, mas acabou tendo um gol e um pênalti anulado.

Com o empate, o Corinthians chega aos 18 pontos somados no Campeonato Brasileiro. A equipe tem quatro vitórias, seis empates e cinco derrotas na competição.

Anota aí, Fiel! - o Corinthians volta a campo no próximo domingo, às 16h, contra o Ceará. A partida é válida pela 16ª rodada do Brasileirão e acontece na Neo Química Arena.

Escalação

Com algumas mudanças, o técnico Sylvinho promoveu a estreia de Giuliano com a camisa do Corinthians entre os titulares. O Timão foi a campo com: Cássio; Fagner, João Victor, Gil e Fábio Santos; Gabriel, Roni e Giuliano; Mosquito, Adson e Jô.

Escalação do Corinthians para o duelo contra o Santos

Meu Timão

O jogo

Primeiro tempo

A primeira etapa na Vila Belmiro começou estudada. O Santos, porém, arriscou mais as chegadas ao ataque, enquanto o Timão esperava boas oportunidades para sair em contra ataque. O primeiro deles veio aos dez minutos de jogo em uma jogada iniciada por Jô e que envolveu o estreante Giuliano.

O centroavante alvinegro lançou Giuliano no ataque. O meia recebeu e deu um lindo passe e para deixar Mosquito livre, na frente do goleiro santista. Gustavo bateu rasteiro e João Paulo precisou fazer uma ótima defesa.

A resposta adversária veio seis minutos mais tarde. O Santos, relativamente superior na partida, começou a encontrar mais espaços pelas laterais do Timão. Marcos Leonardo foi lançado pela esquerda e chutou rasteiro. Dessa vez, foi a vez de Cássio fazer uma boa defesa.

Aos 20 minutos de jogo, foi a vez do jovem Adson fazer uma boa jogada individual. O garoto deixou Jô em boa condições dentro da área. O atacante avançou, bateu e João Paulo faz uma nova defesa, mandando a bola para escanteio.

Da metade do jogo para frente, o Santos caiu de produção. O Timão começou a acertar a marcação e dificultar para o adversário em termos de criação. A partida seguiu com algumas oportunidades, mas grandes lampejos de criatividade.

Em uma saída errada de João Paulo, aos 34 minutos, o Corinthians teve sua terceira grande chance na partida. Gabriel recuperou a bola e encontrou Fagner aproximando pela direita. O camisa 23 arriscou um belo chute de fora da área e obrigou o goleiro santista fazer nova defesa.

Em um dos últimos lances do primeiro tempo, Felipe Jonatan arriscou o chute de fora da área, mas a bola não ofereceu qualquer tipo de perigo para a defesa corinthiana. Os primeiros 45 minutos terminaram sem gols.

Segundo tempo

Para buscar a vitória no segundo tempo, Sylvinho voltou sem alterações no Corinthians. Nos primeiros minutos, o Timão conseguiu criar algumas melhores chances para chegar ao gol adversário.

Aos cinco minutos, João Victor encontrou Gustavo Mosquito. O atacante apareceu livre pelo lado direito e cruzou para Adson, que ficou frente a frente com João Paulo e chutou rasteiro. O goleiro santista fez a defesa.

O Corinthians chegou a marcar um gol aos 11 minutos de jogo. Gabriel lançou Gustavo Mosquito nas costas da defesa. O atacante invadiu a área sozinho pela direita e cruza rasteiro para Jô, que completa para o gol aberto. Mosquito, porém, estava em posição de impedimento e o gol foi anulado. Ainda assim, o Timão seguiu melhor no segundo tempo.

Ao 15, o Timão teve um pênalti marcado ao seu favor. Gustavo Mosquito avança pela esquerda e é derrubado na área por Madson. Mas a cobrança não foi efetuada. O árbitro Flavio Rodrigues de Souza anulou a penalidade três minutos mais tarde após rever o lance no monitor do VAR.

Sylvinho optou por mexer na equipe do Corinthians apenas aos 32 minutos de jogo. O jovem Adson deu espaço para que Mateus Vital entrasse em campo na Vila Belmiro. A segunda alteração foi feita poucos minutos depois: Mosquito precisou sair com dores na coxa esquerda e Marquinhos foi o escolhido para substituí-lo.

Os minutos seguintes não foram de criatividade ou de lances perigosos para nenhuma das duas equipes e o Clássico Alvinegro passou a se desenhar para um empate sem gols. Com as pausas ao longo do jogo, a arbitragem deu sete minutos de acréscimos.

Aos 50 minutos, Marquinhos recebeu uma boa bola pelo lado direito e saiu cara a cara com João Paulo. Mas a bola correu demais e João Paulo fez a defesa. No mesmo instante, Sylvinho tirou Giuliano de campo para colocar Vitinho no gramado, mas o confronto já tinha números finais: Santos 0 a 0 Corinthians.

Veja mais em: Campeonato Brasileiro e Corinthians x Santos.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a notícia:

x