Venha fazer parte da KTO
x

Piccinato revela ansiedade por primeira final no Corinthians e convoca Fiel para a Neo Química Arena

1.8 mil visualizações 19 comentários Reportar erro

Por Pedro Mairton e Maria Beatriz de Teves

Lucas Piccinato revelou estar ansioso para disputar primeira final pelo Corinthians

Lucas Piccinato revelou estar ansioso para disputar primeira final pelo Corinthians

Rodrigo Gazzanel / Agência Corinthians

O Corinthians Feminino disputará mais uma final, mas desta vez com um novo técnico: Lucas Piccinato. O comandante, que substituiu o ídolo Arthur Elias em 2024, revelou estar ansioso pela primeira decisão à frente das Brabas, que ocorrerá às 10h30 do próximo domingo, diante do Cruzeiro, pela Supercopa, e ainda convocou a Fiel para lotar as arquibancadas da Neo Química Arena.

Muita ansiedade (para a final). Campeonato de tiro curto, que se resolve em uma semana só, estamos comemorando a vitória, mas já pensando no material de amanhã sobre o Cruzeiro, o treino de amanhã. Tem uma ansiedade natural para chegar domingo, espero muito que a torcida do Corinthians compareça em grande peso pois precisamos deles para fazer uma grande festa. Hoje foi um grande exemplo, a torcida fez muito barulho, durante todo o processo. Da minha parte, ansiedade para jogar uma primeira final e sairmos com o primeiro título”, afirmou Lucas Piccinato na coletiva de imprensa após a vitória corinthiana por 2 a 0 sobre a Ferroviária na semifinal do torneio.

A final entre Corinthians e Cruzeiro pela Supercopa 2024 marcará o 21º jogo das Brabas na Neo Química Arena, onde elas possuem um aproveitamento perfeito de 20 vitórias. No estádio, já foram oito taças levantadas pela equipe feminina.

O Timão busca o terceiro título consecutivo em três edições da Supercopa, competição que abre o calendário do futebol feminino brasileiro. Lucas Piccinato falou qual a importância de iniciar a temporada disputando taça.

Sensação de caminharmos pro lugar certo. São dois jogos de início de temporada, muitas atletas com questões físicas. Tamires, Duda (Sampaio) com travada nas costas, Vic (Albuquerque) perdeu alguns treinos e ficou fora, estamos pensando a longo prazo, atletas que podem nos ajudar lá na frente, mas ao mesmo tempo jogos muito grandes. Fizemos dois jogos muito sólidos, duas boas vitórias. Feliz que o trabalho está caminhando, espero concretizar esses primeiros dois meses com título”, falou Lucas Piccinato.

Mesmo em processo de reformulação, o Corinthians ainda conta no elenco com jogadoras multicampeãs pelo time, como as laterais Yasmim e Tamires, que levantaram 14 das 17 taças conquistadas pelo time feminino corinthiano desde a reativação da modalidade no Parque São Jorge, em 2016. Piccinato falou que trabalhar com a mente de atletas acostumadas a vencer tudo tem sido o maior desafio dele no Timão.

É o grande desafio do meu trabalho. É um time muito vitorioso, venceu absolutamente tudo, é natural criar esse relaxamento. Temos cobrado, trabalho nesse sentido para que a gente chegue contra qualquer adversário e consiga colocar o nosso melhor dentro do campo, porque somos a melhor equipe dentro do país. Precisamos colocar isso no campo, se motivar. Ao mesmo tempo é um grupo mentalmente muito preparado e tenho certeza de que vai se motivar muito com nossa torcida, para fazer mais uma grande final e se Deus quiser sair campeão”, disse.

Lucas Piccinato duelará contra um velho amigo na decisão da Supercopa: o técnico Jonas Urias, de 34 anos, apenas um ano mais velho que o comandante das Brabas. O treinador corinthiano rasgou elogios ao companheiro de profissão - e também padrinho de casamento dele - e projetou uma final difícil contra o Cruzeiro.

O Jonas (Urias) é um irmão, amigo pessoal, padrinho de casamento, um cara espetacular. Ele mudou o cenário de futebol feminino de base com a passagem dele no Sub-20 da Seleção, torci muito para que ele pudesse ganhar um título. Ele fez um trabalho muito bom, muito qualificado, não sei por que de repente ele saiu em um processo tão óbvio, as coisas indo tão bem. Se conversar com 90% das atletas, vão dizer que é um dos melhores que já passaram”, elogiou.

“Tenho um respeito muito grande por ele, pelo profissional que ele é, e vai armar uma grande dificuldade, uma grande arapuca, mesclado com jovens e experientes. Vai ser um jogo muito complicado, Cruzeiro não chegou por acaso. Acabou que no chaveamento um dos lados tinha quatro equipes que se classificaram melhor no Brasileiro, Cruzeiro fez a parte dele, vai chegar empolgado para conseguir o título. Vamos fazer uma grande preparação, que será feita, para chegar domingo e fazermos um grande jogo”, concluiu.

Veja mais em: Lucas Piccinato, Neo Química Arena, Corinthians Feminino, Torcida do Corinthians e Corinthians x Cruzeiro.

Veja Mais:

  • Carlos Miguel treina com o elenco do Corinthians

    António é direto sobre Carlos Miguel e afirma que goleiro não joga mais pelo Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians se manteve na 18ª colocação ao fim da 11ª rodada do Brasileirão

    Veja como ficou a situação do Corinthians na tabela do Brasileirão após empate na 11ª rodada

    ver detalhes
  • Danilo foi demitido do Sub-20 do Corinthians na última semana

    Danilo, ex-técnico do Corinthians Sub-20, sobre as 16 contratações do ano: 'Nenhuma passou por mim'

    ver detalhes
  • Corinthians empatou com o Athletico-PR, por 1 a 1, na Ligga Arena

    Corinthians melhora no segundo tempo e busca empate no fim diante do Athletico-PR pelo Brasileirão

    ver detalhes
  • Matheus Donelli voltou a ser titular no Corinthians

    Torcida escolhe goleiro do Corinthians como craque, e atacante leva a pior; veja notas

    ver detalhes
  • Raphael Laruccia é o novo treinador do Corinthians Sub-20

    Corinthians promove treinador e comissão técnica do Sub-17 para Sub-20; confira

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: