gleydson
gleydson

gleydson santana


50 anos, de Irece- BA

Torcedor do site número: 13.713

cadastrado desde 01/05/2012

Locutor, e Noticiarista. Corinthiano e com o desejo de curtir junto com mulher e filho a maravilhosa sensação de está no pacaembú sentindo a energia de puro amor e paixão desta torcida pelo meu timão. que emociona faz arrepiar, e enlouquece de verdade.

male

Acessos no Meu Timão

Último acesso em 28/11/2020

Atividade de Gleydson Santana no Meu Timão

Ranking do Fórum

6.008º lugar

Ver Ranking

Ranking de comentários

12.525º lugar

Ver Ranking

86 Comentários

93% de aprovação

301 Posts

78% de aprovação

189 Tópicos

40.856 Visualizações

3.143 Views por tópico

Última atividade no site em 28/11/2020 às 12h11

Gleydson Santana avalia 97.27% como positivo

Posts e comentários do gleydson

Última interação no site em 31/01/2020 às 09h49

  • gleydson

    gleydson postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Flávio, Flávio, Flavio... O esquema está bom, mais sem Ralf, coloca Gabriel"

    há 1 ano

    Antes não tínhamos um volume de jogadas de ataque, melhoramos nosso setor de criação e o mais óbvio é ter um segundo homem que divida esta responsabilidade, Assim como foi numa época ' Renato Augusto e Jadson ou Jadson e Rodriguinho'.

    Já ficou demonstrado que este cara não é o Richard e muito menos o Camacho, devendo ser Luan ou Vital.

    Para maior liberdade de Cantillo, Precisamos da segurança de Gabriel na falta de Ralf.

    Assim podemos colocar Gabriel no ligar de Camacho e Vital no lugar de Luan.

    Ao menos para maior volume de jogo na armação, subida dos laterais e reforço de marcação com Gabriel.

    detalhes do post
  • gleydson

    gleydson postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Procura-se atacante, quando falta garçons, E por favor não me fale em Richard nem Camacho"

    há 1 ano

    A diretoria trabalha com orgulho e esquece do que é funcional para o clube. O Rodriguinho pode ir para o Bahia, e nós precisamos de um jogador como este. O Richard e Camacho não conseguem fazer este papel em campo. Não adianta me falar de time que pretende jogar mais no ataque, se não tem jogadores capazes de fazer o papel de armador de qualidade no meio campo.

    O Richard não tem intensidade e nem qualidade no passe e o Camacho não joga em campo nem a metade que Douglas jogou e nem Renato Augusto, para ocupar esta posição. Precisamos de dois jogadores de qualidade neste setor, ae assim até minha mãe pode jogar de centroavante.

    Trocamos um Sornoza que não fazia nada por dois que não são muito diferente.

    detalhes do post
  • gleydson

    gleydson postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Os esquecidos , desprezados podem render muito"

    há 1 ano

    Com a velha frase de santo de casa não faz milagre. O Timão pode está liberando jogadores que rendem muito em outros clubes pelo simples fato do técnico saber utilizá-los sem interferência de diretoria.

    Assim como garotos da base.

    Rene Júnior e Régis são jogadores que fazem toda diferença qualidade na saída de bola e dustribuicao de bolas criação de jogadas. Porém não foram utilizados.

    Clayson se colocado na função de não ir alinha de fundo para cruzar mais permitindo que faça a diagonal com liberdade faz toda a diferença.

    Admito que alguns já vai tarde. Porém a diretoria começa a fazer barulho para entusiasmar a torcida ao invés de mudar posturas.

    detalhes do post
  • gleydson

    gleydson postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Para quem disse que eu fosse virar técnico? Fora Carile."

    há 2 anos

    Eu não sei qual o nível de burrice uma pessoa pode alcançar ou se permitir em nome de uma passionalidade e tenta justificar como amor ao Timão. Tão confundindo ou não sabe o que é amor ao nosso Timão.

    Qual a justificativa para insistir com a lentidão de Sornoza, vendo todas as vezes que Jadson entra, ele dar melhor distribuição de jogadas e oferece munição e variação ao ataque.

    Que estupidez é esta que não libera Regis pelo meio que dar maior mobilidade e criatividade.

    Aqueles que são gratos aos títulos conquistados pelo Carille, EU TAMBÉM SOU. Porém o futebol passa por uma constante mudança e dinamismo. Nem mesmo Tite consegue fazer a seleção jogar neste esquema que foi bom enquanto durou. E Hoje não cabe mais.

    Um time jogando em casa e não se impõem ao adversário. Com a primeira linha de marcação recuada e quando parte ao ataque para correr atrás do prejuízo sempre que fica com um futebol muito previsivel. Ae toma mais um

    Parabéns diretoria.

    Vocês estão acabando com o Timão.

    Basta ver o vt do jogo e vejam como Jadson dar volume de jogo, parem de olhar para a bola e vejam a mobilidade e aumento de produtividade com Regis, como melhora com dois atacantes.

    Carille agora vai dar uma de mano Menezes, ao invés de fazer o time jogar, quer mostrar a torcida que tá brigando com o juiz

    detalhes do post
  • gleydson

    gleydson postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "O conformismo corinthiano pode custar caro. Carile previsivel, Sornoza menos um"

    há 2 anos

    Cara não tenho culpa se você ver diferente respeito seu modo de ver beleza?

    Mas se você tem sua opinião eu tenho a minha.

    Tamos bem contando com a sorte. O Timão é muito grande pra ficar contando com tropeço de adversário.

    Quando tem mata mata ae é de lascar porque o time e retranqueiro. Em jogo decisivo iqye decide é bola na rede. Se toma dois tem que fazer quatro e não esperar contra-ataque.

    Saldo de gols decide título irmão.

    Sou Timão até morrer.

    Mais nem por isso vou ficar calado sabendo que a gente tem condições de ganhar de um flamerda, de um Ceará, de um Grêmio e quem vier.

    Acredito até o fim

    Mas não precisa fazer ficar mais difícil porque tem uma galera que acha bonito dizer que tem que ser sofrido só porque o treinador segura o time..

    Vai Corinthians meu Corinthians de raça

    detalhes do post
  • gleydson

    gleydson postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "O conformismo corinthiano pode custar caro. Carile previsivel, Sornoza menos um"

    há 2 anos

    O conformismo corinthiano defendendo a tese que o time foi campeão uma vez assim, e devemos repetir a receita para o resto da vida, o previsível Carille alimenta um esquema tático que impede o desenvolvimento ofensivo e produtividade do time.

    Carille insiste num esquema que não te flutuação de um armador que faça a triangulação como já fez Renato Augusto e Jadson, ele prejudica o futebol de Pedrinho e Vital, isola Cleyson e prejudica os centro avantes.

    Na última partida contra o grêmio, quando colocou Boseli e deixou Love fazendo a flutuação na entrada da área o time mudou e melhorou a produção, por ter um pivô na intermediária ofensiva, depois ele tirou e acabou novamente com o time.

    O time que não chuta de fora da área, não tabela, vive de jogadas de linha de fundo como se não houvesse zagueiros adversários.

    Sornoza não corre caminha em campo, não tem vigor físico e os passes laterais sem produzir nada em campo, não faz uma armação e não interage como ataque.

    Carille esqueceu que saldo de gols também conta?

    Previsivel, e temoso assim como Abel Braga segurava demais o time do Flamengo, Carille segura o time corinthiano.

    detalhes do post
  • gleydson

    gleydson postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Até quando Carile? um time sem variação de jogadas. Óbvio demais"

    há 2 anos

    Vencemos 8 partidas, a maioria delas por um placar magro, retrancando o time e torcendo para o relógio andar rápido, contando com milagres de Cássio, bola na trave e sofrimento desnecessário.

    Sempre 90 minutos cruzando bola para Boseli, Gustavo ou Love. Os meias não chutam da entrada da área, volantes não chegam como homem surpresa, não há compactação no ataque e muitas vezes perdemos o meio campo durante as partidas.

    O ataque óbvio abrindo nas pontas e cruzando bolas, como se houvesse zagueiros adversários, goleiro pegando as bolas na pequena área.

    Recuando o time muito cedo, apos fazer um gol e correndo riscos por não ter folego de virar o placar.

    Qual foi a última vez que se viu um jogo onde marcamos gol de fora da área, da entrada da área.

    Chutando tem gol, escanteios, bola na trave, falha de goleiro, Mas a única coisa que temos é cruzar na área e a zaga na maioria das vezes retirar a bola.

    Tem sula americana acorda Carille

    detalhes do post
  • gleydson

    gleydson postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Minha voz abafada apesar de dissonante, quer o melhor para meu Timão: Carille tenha mais serotonina"

    há 2 anos

    Sou Timão sempre, torcendo sempre seja qual for a situação. Mais não por isso não devemos apontar onde podemos melhorar

    detalhes do post
  • gleydson

    gleydson postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Minha voz abafada apesar de dissonante, quer o melhor para meu Timão: Carille tenha mais serotonina"

    há 2 anos

    O time da grandiosidade do Corinthians não pode desempenhar uma postura pobre e pequena dentro de campo. Mesmo não tendo o elenco de times que estão investindo milhões. O meu Corinthians em sua história de existência nunca baixou a cabeça perante a nenhum adversário, quando não possuíamos craques famosos compensávamos na raça e determinação.

    Um time que mesmo esteja com reservas em campo, deve ter uma postura de raça e vontade de ganhar, um poder ofensivo, pior é nem ter jogadores que apesar de limitados, não mostrem vontade. Mesmo que chute 100 bolas ao gol para acerta uma, mais ao menos determinação diante da deficiência.

    Carille leva o time numa campanha pobre de produção ofensiva, prioriza a defesa e assim a oportunidade de uma ' uma' bola fazer um gol e vencer a partida, porque 1X0 vale três pontos. Esquecendo que num critério de desempate este apenas uma zero nos elimina.

    Comporta-se a beira do campo de maneira tímida, não prioriza a criação e fundamentos como movimentação, compactação para haver uma troca de passes de qualidade. Contamos muitas vezes com a sorte neste pensamento de vencer por placares mínimos o que dependendo do adversário podemos esperançosos ir aos pênaltis se não conseguirmos ganhar com um enorme sofrimento, recebendo bolas nas traves e contando com Cássio.

    Pegamos Richard, Sornoza e Everaldo no Fluminense, porque não pegamos o Marcos Paulo, Yony González, e Wellington Nem... O flu virou supermercado do Timão e nós pegamos na prateleira errada.

    Carille precisa acordar pois o Timão tá bem para que está se acomodando com pouco diante do que o time pode fazer, que é muito mais.

    detalhes do post
  • gleydson

    gleydson postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "O Corinthians que Convence e vence. Não tem segredos. Repete Carile"

    há 2 anos

    Um time com movimentação, triangulação, com dedicação em campo e OFENSIVIDADE, sim uma palavra a muito retirada do nosso vocabulário.

    Sem a necessidade de dois volantes, Carille optou por um e com boa saída de bola que foi o Junior Urso.

    Jadson jogou o futebol que nós conhecemos indo buscar a bola e chegando de frente desenvolvendo a armação das jogadas e fazendo a bola rodar, e com a presença de Junior Urso, não sobrecarregou Jadson.

    Mais opções de jogadas com os meias que tiveram mais opções de livra-se do sistema defensivo adversário com a versatilidade e movimentação.

    Reversamento na entrada da área com Gustavo e Love. Segurando ainda mais os zagueiros e ficando mais próximo do gol adversário.

    Mais oportunidades de chutes de fora da área dos meias, já que os dois atacantes puxavam o sistema defensivo para não deixar no mano a mano.

    Contra o Flamengo só precisamos do mesmo esquema com uma sintonia dos laterais, para só subirem para fazer o apoio no ataque quando um dos laterais ficarem ajudando na marcação. Pois com apenas um volante, a questão é segurar sempre um dos laterias.

    detalhes do post
`
x