Sérgio

de São Paulo/SP

Sérgio Ohno

Torcedor do site número: 273.565, cadastrado desde 15/01/2013

Mais um Louco do Bando que viu o Timão sair do jejum em 77 e só crescer depois disso.
Feliz por ver o sonho da Arena concretizado, a conquista da Libertadores e o BI Mundial!

male

Estatísticas no Meu Timão

Última atividade no site em 18/11/2017 às 02h28

Ranking do Fórum

1.887º lugar

Ver Ranking

Ranking de comentários

61º lugar

Ver Ranking

6.068 Comentários

98% de aprovação

626 Posts

87% de aprovação

11 Tópicos

2.393 Visualizações

Atividades do Sérgio no Meu Timão

Última interação no site em 17/11/2017 às 13h48

  • Sérgio

    Sérgio comentou na notícia: "Fagner classifica hepta como histórico, analisa temporada e afirma que Seleção é 'plano B'"

    há 17 horas

    A seleção fez mais mal do que bem ao Fagner que vinha muito abaixo do normal até o desastre com a falha contra o Bahia. Depois disso parece que voltou à realidade e vem voltando a jogar como no início do ano. O mesmo ainda não aconteceu com o Rodriguinho que mesmo tendo melhorado um pouco nos últimos dois jogos, ainda está muito abaixo do que jogou no Paulista e início do Brasileiro. É só ver que de todos os jogadores que vinham sem marcar, é o único que continua na seca (Romeiro e Jadson já marcaram).

    detalhes do comentário
  • Sérgio

    Sérgio comentou na notícia: "Após a Série B, sistema defensivo do Corinthians brilhou em sete das nove edições do Brasileirão"

    há 17 horas

    A Série B foi um castigo e um marco para a grande reviravolta que passou o Timão e que levaram a estes dez anos de grandes conquistas. Isto se deve à mudança de política da Diretoria de despedir técnicos no embalo dos maus resultados, além de acertar nas escolhas de técnicos que fortaleceram o setor defensivo onde o Timão nunca teve grandes destaques (basta ver as formações dos elencos campeões antes de 2011). Com isso, a Fiel dos dias de hoje sofre muito menos já que a defesa é o setor mais consolidado dos times desde 2011. Cabe à CT conseguir a mesma eficiência do meio para a frente onde o Timão faz a Fiel torcer pela baixa quantidade de gols e a enorme quantidade de vitórias magras e suadas por 1x0.

    detalhes do comentário
  • Sérgio

    Sérgio comentou na notícia: "Reta final do Corinthians terá titulares contra Flamengo e Atlético-MG e reservas diante do Sport"

    há 17 horas

    Infelizmente isto será necessário por conta do calendário apertado de 2018 por conta da Copa que farão com que os campeonatos comecem mais cedo. Antecipando as férias dos titulares eles podem voltar mais cedo para a pré-temporada. Além disso é uma oportunidade de colocar os reservas para jogar sem o peso da necessidade de vencer.

    detalhes do comentário
  • Sérgio

    Sérgio comentou na notícia: "Diretor do Corinthians confirma proximidade do 'final feliz' na negociação com Pablo"

    há 17 horas

    E a novela continua... Ontem estava muito próximo do fim e hoje, continua mais um pouco. Com o calendário 2018 definido com a participação na Libertadores, é importante que a Diretoria se mobilize rapidamente para reforçar o elenco em algumas posições, especialmente num substituto para o Jô, do Arana (retorno do Romão) e mais um meia-armador para as posições de Jadson e Rodriguinho.

    detalhes do comentário
  • Sérgio

    Sérgio comentou na notícia: "Vitória sobre Flamengo pode ajudar único clube da Série A a parabenizar Corinthians pelo hepta"

    há 17 horas

    Independente do Timão estar ajudando a Chape (e outros times) ele deveria entrar nos últimos 3 jogos com o mesmo objetivo do jogo-a-jogo, mesmo já tendo conquistado o título. É uma boa oportunidade para o Carille ajustar o novo esquema tático utilizando uma formação no 4-1-4-1 sem o Camacho, com o Jadson jogando pelo meio e mantendo dois atacantes pelos lados como deu certo contra Avaí e FlorminenC.

    detalhes do comentário
  • Sérgio

    Sérgio comentou na notícia: "Corinthians retribui gentiliza e parabeniza Chape por permanência na Séria A em 2018"

    há 17 horas

    Mais uma mostra da grandeza da Chape (a primeira foi ter recusado a oferta de garantia de permanência na Série A e preferiu disputar como todos os outros times) por ser a única a reconhecer publicamente o título do Timão.

    detalhes do comentário
  • Sérgio

    Sérgio comentou na notícia: "Campeão, Carille lembra críticas, desabafa, mas diz que Corinthians tem último objetivo"

    há 2 dias

    Na verdade, o Fábio DU Carille parece estar achando a nova forma de jogar que foi a formação que iniciou o 2.o tempo do jogo decisivo de ontem, mais para um 4-1-4-1, esquema vencedor do Tite, do que o mais defensivo 4-2-3-1 que iniciou o jogo. A diferença para a formação foi a entrada do Jadson armando pelo meio na função do Paulinho de 2015 e aparecendo no ataque (acertou uma na trave e fez o gol que matou o Hepta). Pena que não dá mais para quebrar a pontuação de 2015 do mestre Tite mas conseguiu com um feito com um elenco bem inferior ao do Hexa.

    detalhes do comentário
  • Sérgio

    Sérgio comentou na notícia: "Clayson é punido pelo STJD por confusão no Dérbi e desfalca Corinthians"

    há 2 dias

    Verdade, acho que a formação sem o Camacho, no 4-1-4-1 (Jadson pelo meio) é melhor que o 4-2-3-1 que é mais defensivo e não estava fazendo mais efeito. Assim, do meio para a frente ficaria: Gabriel, Jadson, Rodriguinho e Pedrinho, Romero e Jô. Mantém dois baixinhos pelos lados como era com o Clayson. É basicamente o esquema que começou o jogo de ontem e onde o Jadson apareceu melhor: uma na trave e um gol.

    detalhes do comentário
  • Sérgio

    Sérgio comentou no post: "Comemore muito, Fiel!"

    há 2 dias

    Verdades, 2017 estava escrito nas estrelas desde a vitória suada no 1.o Derby do ano depois da expulsão absurda do Gabriel, a marcante vitória sobre o Grêmio que marcou o início da arrancada, a vitória no 2.o Derby no Ananias Pasto e o último Derby que marcou o início da arrancada final (32 mil num treino) com as 4 vitórias consecutivas fechadas com gols dos desacreditados (e perseguidos por parte da torcida): Ga, Kazim e Jadson. E para os que insistem em criticar o Romero, sugiro irem a um jogo na Arena e verão que ele é o jogador mais ovacionado quando é anunciada a escalação (seguido do Jô) e um dos poucos, senão o único, que tem o nome gritado quando substituído. Neste elenco, é Romero, Jô e mais nove. #NuncaFoiFácil

    detalhes do comentário
  • Sérgio

    Sérgio comentou na notícia: "Comentário de José no Meu Timão"

    há 2 dias

    Precisariam rever esta proibição ainda mais depois da restrição de torcida visitante nos estádios. Pior é que o mandante acaba perdendo muita receita já que a venda de cerveja com álcool rola solta fora do estádio. E considerar que em milhares de bares espalhados pelo país existe a venda de bebida alcóolica em dias de jogos (mesmo durante) e nem por isso existe registro de violência entre torcedores por conta disso.

    detalhes do comentário
`