Vinicius

36 anos , de Campinas

Vinicius Domingues

Torcedor do site número: 305.094, cadastrado desde 22/02/2013

Aqui é Corinthians

male

Estatísticas no Meu Timão

Última atividade no site em 16/04/2016 às 13h32

Ranking do Fórum

4.142º lugar

Ver Ranking

Ranking de comentários

Faltam 39 comentários para o Vinicius entrar no Ranking

Ver Ranking

11 Comentários

82% de aprovação

234 Posts

91% de aprovação

90 Tópicos

47.727 Visualizações

1.646 Views por tópico

Atividades do Vinicius no Meu Timão

Última interação no site em 17/03/2016 às 22h44

  • Vinicius

    Vinicius postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Fox Sports - Mario Marra"

    há 2 anos

    Kkkkk, viajei

    detalhes do post
  • Vinicius

    Vinicius postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Fox Sports - Mario Marra"

    há 2 anos

    Só assisto jogo agora na FOX.

    O cara além de ser um excelente locutor, vibra com a torcida, não fica criando teorias da conspiração e sempre parece jogar junto com o time.

    Muito melhor que Cleber Machado e essa turminha #[email protected]%.

    Quwm não assiste por lá, recomendo.

    detalhes do post
  • Vinicius

    Vinicius postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Que fotos, amigos!"

    há 2 anos

    É o Paulo Bayer ali?

    detalhes do post
  • Vinicius

    Vinicius postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Willians"

    há 2 anos

    Confesso que me surpreendeu.
    Demonstrou visão de jogo.
    Boa imposição física.
    Se posicionou bem em campo.
    Armou e clareou jogadas.
    Teve algumas falhas, inclusive a do pênalti não marcado, mas no geral foi muito positiva a atuação.
    Abraço!

    detalhes do post
  • Vinicius

    Vinicius postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Tite liberado ...bora ter muita fé..."

    há 2 anos

    Apoiado irmão.

    Estadual hoje em dia não serve pra mais nada, que não treinar o time - e não existe laboratório melhor que o campeonato Paulista, que é de altíssima qualidade.

    Assim como a copinha - deve ter como foco principal revelar jogadores e construir esquemas táticos inovadores.

    Agora a torcida xiíta precisa apoiar essa filosofia, afinal até o sub-15 tem o onibus apedrejado...

    Vamos evoluir Fiel!

    detalhes do post
  • Vinicius

    Vinicius postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Blog do Citadini - Leiam e Tirem suas Conclusões."

    há 2 anos

    Sim, o que mostra a politicagem que rola.. De qualquer forma, só falou verdades, no meu entendimento.

    detalhes do post
  • Vinicius

    Vinicius postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Blog do Citadini - Leiam e Tirem suas Conclusões."

    há 2 anos

    Falou exatamente o que eu penso:

    Vejam abaixo:

    Muitos torcedores do Corinthians ficaram chateados com perda da Copa São Paulo. O time vinha jogando bem, com boa organização em campo e perder nas penalidades sempre dói.

    Mas isso é do jogo. Ganhar ou perder um campeonato -na maioria das vezes- depende de um lance pouco ou mais criativo.

    O título é importante, mas, no caso das categorias de base, o melhor mesmo é formar atletas que possam vestir a camisa titular de nosso clube.

    O Corinthians sempre revelou jogadores em sua categoria de base. Algumas vezes craques “fora de série”, como Rivellino, outras vezes jogadores que tinham “pinta” de craque, mas tornaram-se médios e só completaram o elenco. São inúmeros os casos de jogadores que -à primeira vista- pareciam craques mas, não vingaram.

    Isso é regra. Nem sempre o clube consegue criar grandes ídolos. Mas a meta deve ser – sempre!- a de buscar atletas para o time principal.

    Infelizmente, a política adotada em nosso clube nos últimos anos vai no sentido contrário. Ao criar o sistema de “parcerias” com “empresários” o clube renuncia sua principal meta nas categorias de Base.

    Os tais empresários querem “mostrar” seus jogadores. E o Corinthians virou uma vitrine de luxo. Após ser bem “mostrado” os tais donos dos jogadores querem vender, vender e vender.

    A categoria de base só será importante para o clube quando voltarmos a ter como meta jogadores 100% do Corinthians e trabalhados para atender o time principal.

    Perder o título Copinha não é nada perto de ter jogadores de empresários que só servirão ao clube no período de mostra.

    Mesmo que no primeiro momento tenhamos times mais fracos, o caminho é uma base só do Corinthians. Ou então a categoria -mantida com grana do clube- pouco ajudará o Timão.

    O presidente Roberto de Andrade foi claro: o clube chinês acerta com o empresário, com o jogador e o Corinthians é avisado meia hora antes que a “multa de rescisão” será paga e o atleta vai embora.

    Completa o presidente que não há o que fazer. Paga a multa, o jogador vai pra onde ele quiser.

    Nisso está certo.

    Só o que falta explicar é como chegamos a este ponto. O problema não está na negociação de saída, mas na negociação de chegada.

    Como sabemos, todos os jogadores em saída, são apenas parcialmente do Corinthians. Algumas vezes, a participação do clube é insignificante. A maior parte dos direitos do jogadores está nas mãos de “parceiros”, empresários, agentes e até do próprio jogador.

    Essa política de “parceira” adotada pelo Corinthians cobra agora o seu preço. O presidente atual, como os anteriores, foram os implantadores deste mecanismo que leva a esse colapso atual.

    O clube e o parceiro têm interesses conflitantes. O clube quer o jogador para jogar, marcar gols, conquistar títulos e títulos. O “parceiro empresário” não quer nada disso. Só quer valorizar seu produto e vendê-lo na primeira oportunidade.

    Por esta razão, aos “parceiros” interessa uma multa pequena que não seja obstáculos para negociações futuras. Ao clube interessaria multa alta, pois quer a permanência dos atletas.

    Mas isso só é possível quando o clube tem o controle do negócio. Nas “parcerias” o clube não tem.

    Em clubes que não adotam essa política -que o presidente Roberto Andrade foi um dos implantadores- o quadro é diferente. Veja-se os clubes europeus principais, onde a multa é definida pelo clube.

    O mesmo dinheiro chinês que chega aqui pagando salários astronômicos aos jogadores poderia procurar craque na Itália, Espanha, Inglaterra etc mas não o fazem. E quando atacam os europeus é com jogador com contratos a beira de terminar.

    As pesadas multas de rescisão não permitem.

    Enquanto o Corinthians não encerrar essa política de parcerias, as saídas de jogadores serão assuntos rotineiros.

    Ou rompemos essas “parcerias” onde o clube pouco ganha (ou nada ganha), ou veremos jogadores chegando e saindo a toda hora.

    Manter esse fatiamento de jogadores com “empresários” e multas baixas (impostas pelos parceiros) deixa o clube vulnerável.

    Esse é o grande problema.

    Será que vai ser enfrentado? Tenho dúvidas. Muitas dúvidas.

    detalhes do post
  • Vinicius

    Vinicius postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "O trio do meio de campo do Schalke 04 tem 20 anos... lá eles usam a base"

    há 2 anos

    E estão há anos sem ganhar nada...

    Não basta jogar com a base, precisa ter planejamento.

    detalhes do post
  • Vinicius

    Vinicius postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Nosso novo goleiro titular"

    há 2 anos

    Tenho mais confiança no Walter que no Cássio.

    Agora, vamos olhar o contrato dele e deixar direito, ô diretoria?

    detalhes do post
  • Vinicius

    Vinicius postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Leia e veja que existe uma baita luz no fim do tunel. Podemos fazer um excelente 2016."

    há 2 anos

    Amigo, uma dica:

    Você pode discordar de alguém, sem chamá-lo de imbecil.

    Isso se chama educação... Procure debater ideias em alto nível.

    No que li do texto, ele não faltou com o respeito com ninguém (jogadores e torcedores) então segura a onda e seja mais respeitoso com as pessoas.

    Abraço!

    detalhes do post
`