Há quanto tempo o Corinthians não joga bem?

Vitor Chicarolli

Jornalista formado pela Universidade Anhembi Morumbi, tem 22 anos e trabalhou no Diário Lance!. Atualmente, setorista do clube de coração. Com o Corinthians em qualquer lugar.

ver detalhes

Há quanto tempo o Corinthians não joga bem?

Coluna do Vitor Chicarolli

Opinião de Vitor Chicarolli

3.4 mil visualizações 68 comentários Comunicar erro

Há quanto tempo o Corinthians não joga bem?

Corinthians teve um grande primeiro semestre na temporada de 2017

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Recentemente, o técnico Fábio Carille disse não se lembrar de "dez jogos bons feitos pelo Corinthians em 2019". Com isso, passei um tempo refletindo sobre a declaração e tentei recuperar na memória as atuações que se salvam na temporada.

Depois de pensar em algumas boas partidas neste ano, então, procurei ir além e me perguntei qual seria a última vez que o Timão, de fato, transmitiu confiança ao entrar em campo?

E, assim, cheguei à conclusão que o último período que a equipe alvinegra conseguiu convencer e engatar uma boa sequência de vitórias foi no primeiro semestre de 2017, justamente com Carille no banco de reservas.

Balbuena, Pablo, Arana, Rodriguinho e Jô eram os pilares do time em 2017

Balbuena, Pablo, Arana, Rodriguinho e Jô eram os pilares do time em 2017

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Desde então, os "bons" resultados mascararam o desempenho apresentado dentro das quatro linhas, como a conquista do Brasileirão naquela mesma temporada e o bicampeonato paulista, em 2018 e 19.

A impressão que passa é que o repertório do treinador funcionou (muito bem) por seis meses e depois passou a ficar previsível - algo que facilitou a marcação dos adversários em determinadas jogadas.

O Corinthians não consegue ter um padrão de jogo e muito menos ser criativo para criar lances no campo de ataque. Ultimamente, até o sistema defensivo tem se mostrado confuso dentro de campo.

Os jogadores, é claro, tem uma parcela de culpa nas recentes atuações, mas acredito que seja necessário uma mudança tática e principalmente no conceito de jogo adotado pela comissão técnica.

A sequência do Timão no Campeonato Brasileiro está longe de ser simples, porém será necessária alguma atitude radical para mudar a cara do time nos próximos dias.

Que saudade quando o Corinthians jogava com vontade...

Veja mais em: Campeonato Brasileiro.

Coluna do Vitor Chicarolli

Por Vitor Chicarolli

Jornalista formado pela Universidade Anhembi Morumbi, tem 22 anos e trabalhou no Diário Lance!. Atualmente, setorista do clube de coração. Com o Corinthians em qualquer lugar.

O que você achou do post do Vitor Chicarolli?