Algum Sheik árabe/chinês/magnata americano tinha que comprar o Corinthians

Fórum do Corinthians
Tópico Lendário Entenda as regras

Ricardo #2.917 @ricardoss em 14/10/2018 às 00:12

Corinthians não pode mais ser sonho de consumo de amadores que vivem anos no clube, formam panelinhas, quadrilhas, e se tornam dirigentes, sem o menor preparo de gestão, que nunca administraram nada na vida que se compare a um clube desse tamanho...

Na época do Matheus, o futebol era outro, amador, não existia esse nível de investimento e de complexidade que se tem hoje. Cabia então um Vicente Matheus.

Hoje não. Uma potência, uma marca como o Corinthians, não pode mais ser administrado por delegados (Gobbi), vendedores de carros (Banana Andrade), André Negão, Mané da Carne, Fulano do Frango, Andrés Sanchez (O que ele é na vida? ).

Os tempos são outros, qquer empresa hoje em dia depende de capacidade de gestão, profissionalismo, pessoas competentes e capacitadas no comando. Só no futebol que isso ainda não acontece.

O que era o Manchester City antes de ser comprado por um Sheik? Pergunte aos torcedores de lá, se estão revoltados por terem comprado o seu time de coração?

Pergunte ao torcedor do Paris, do Chelsea!

Corinthians não pode ficar 1 ano sem patrocínio, ter um estádio impagável, não conseguir naming rights... Ter um time mais fraco que um Bahia da vida, desmanchar todo ano 2 vezes o elenco... E lutar contra o rebaixamento em um campeonato que tem Bahia, América, Vitória, Chapecoense, Sport, Ceará, Paraná..

É inadmissível continuarmos sendo esse clube amador, administrado por gente amadora, que só quer o poder e não tem responsabilidade nenhuma quando acaba o mandato!

Enquanto não vier um bilionário aqui e comprar o Corinthians, vamos ficar na mão desse tipo de gente, que na maioria das vezes, entra ali pra fazer o seu 'pé de meia'.

4.820 visualizações e 145 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhores respostas

Metralha Silva #4.087 @metralha.silva em 14/10/2018 às 14:20

Sempre fui contra esse tipo de coisa, mas hoje em dia já penso diferente. Essa coisa que o Andrés está fazendo não aconteceria com um time que fosse comprado por alguém.

Nilson Matheus Kawakami #200 @nilsonjp em 14/10/2018 às 18:20

Também sou a favor de uma possível venda, agora, ledo engano de sua parte chamar esses dirigentes de amadores, eles entram pobres e saem milionarios, amadores são os torcedores que ainda ficavam aplaudindo a volta dessa quadrilha e os defendiam vorazmente!

Últimas respostas

Deco 20 #94 @deco20 em 15/10/2018 às 07:54

Os caras estão afundando o clube num buraco que daqui a pouco não terá mais volta...

Publicidade

Diogo Curto #260 @curto em 15/10/2018 às 05:54

Flamengo esta super bem administrado e não ganha nada...

Aliás acabou de ser eliminado da CB por qiem?

João Paulo Macedo Da Rocha #4.230 @joao.paulo.macedo.da em 15/10/2018 às 04:28

Eu prefiro que cada torcedor corintiano fanático fizesse sua contribuição para o pagamento do Estádio (Patrimônio) independente de qualquer coisa depois para reaver valores mais adiante mas seria nosso e o clube teria condições de montar uma equipe forte e a renda entraria direto nos cofres.Tem que colocar uma pessoa de finanças, contabilidade neutra para verificar o trajeto do capital e onde está sendo aplicado.O Fiel Torcedor tem que ter direito a voto, ser sócio do clube social pagando um valor a mais e a mesma chapa só ter direito a comandar no máximo uma eleição pós serem eleitos para dar oportunidades a outras chapas com novos integrantes e ideias diferentes sempre em prol do Corinthians!

Almir F Forti #14.417 @almir.f.forti em 15/10/2018 às 03:28

Ninguém vai comprar time nenhum no Brasil. Porque? Por um simples motivo. A legislação não permite. Os Clubes aqui são associativos, sem fins lucrativos e por conseguinte isentos de imposto sobre lucro. Para que se tivesse um dono, a legislação teria que mudar, e os clubes passariam a ser empresas e portanto teriam tributação sobre lucro. Não existe essa hipótese. Isso funciona na Europa, EUA, Ásia. Mas nesses lugares clubes vão a falência e seus donos respondem com seu patrimônio. Aqui sempre aparece um Profut com dinheiro público pra cobrir a falta de competência dos administradores e eles saen sem nenhum ônus sobre seus ombros. Então esqueçam isso, é só fantasia.

Kaio Hisak #4.980 @hideo em 15/10/2018 às 01:20

Outra, você vira refém da vontade de investir do dono. O Mônaco por exemplo, viu o time ser desmanchado porque o dono cansou de gastar e não ganhar. Aí o poder de conpra vai embora mas o dono continua o mesmo. Tem uma equipe da f1 (acho que a force Índia) que aconteceu exatamente isso

Jhonatan #748 @jhonatan.sol em 15/10/2018 às 00:51

" "

Que doidera, e se o investidor falir como fica?

Vocês são tudo uma cambada de Zé povinho mesmo, para profissionalizar não precisa alguém comprar, precisa virar estatuto denteo do clube, por exemplo, eu sou presidente e os setores que compete ao clube, tem que ter profissionais formados e cada situação, pessoas estudadas, profissionais de verdade, com ótimos salários, pois garanto que teríamos menos gastos do que com esses bandidos no poder.

O Corinthians tem que ser do povo, o fiel torcedor precisa ter direito de voto, é isso que temos que revindicar, não ficar falando groselha em Fórum.

Jhonatan Ianacoli #748 @jhonatan.sol em 15/10/2018 às 00:54

Em um país que querem eleger um facista, não me surpreende quererem regredir a história mais bela do nosso clube.

Matheus #8089 @osiris em 14/10/2018 às 23:51

" " Tenho que discordar. Acho que seria sair de uma ditadura para entrar em outra. Nem todo time comprado por um investidor cheio da grana se torna um Manchester City ou um PSG. Vê o caso do Milan: um time grande, tradicional, com uma torcida gigante, que mesmo comprado por um rico grupo de investidores chineses, gastou fortunas trazendo alguns bons jogadores (e outros, nem tanto) e o desempenho em campo continua pífio. Não é somente com dinheiro que se monta times vitoriosos. Sobre a atual política do clube, também estou insatisfeito. Acho que o amadorismo do Andrés, não só, destruiu (ou seria, desmanchou?) nosso planejamento para este ano, como nos ameaça seriamente de repetir o que aconteceu no pior ano de nossa história. Acho que todos entendemos. O Corinthians é o Time do Povo, por isso é contradição querer que o clube tenha um dono, que não seja a Fiel Torcida. O que vem acontecendo e me preocupa, é a inércia da torcida que não vem cobrando os dirigentes, eles que fazem o que querem com o nosso clube. Chega a ser curioso, por muito menos já houveram cobranças muito mais 'intensas' sobre jogadores, técnicos e os próprios dirigentes no passado. O companheirismo das organizadas com a atual diretoria é, no mínimo, suspeito. Não acho que o caminho seja vender o nosso clube para ser propriedade de um endinheirado qualquer, acho que para o clube voltar aos trilhos é necessária a volta da cobrança sobre a diretoria. Cadê os protestos? Cadê a revolta? Vamos continuar aceitando na paz e amor o que eles vem fazendo no Corinthians? Já passou da hora de mostrar que quem nada no clube é a gente, e não esses parasitas (tanto a situação corrupta, quanto a oposição conivente). Não podemos aceitar nada abaixo do título da Copa do Brasil e um meio de tabela menos sofrido (é o que tem dá pra esse ano), nessa temporada.

Jhonatan Ianacoli #748 @jhonatan.sol em 15/10/2018 às 00:51

Que doidera, e se o investidor falir como fica?

Vocês são tudo uma cambada de Zé povinho mesmo, para profissionalizar não precisa alguém comprar, precisa virar estatuto denteo do clube, por exemplo, eu sou presidente e os setores que compete ao clube, tem que ter profissionais formados e cada situação, pessoas estudadas, profissionais de verdade, com ótimos salários, pois garanto que teríamos menos gastos do que com esses bandidos no poder.

O Corinthians tem que ser do povo, o fiel torcedor precisa ter direito de voto, é isso que temos que revindicar, não ficar falando groselha em Fórum.

Uildembergue Souza Liborio #2.125 @uildo em 15/10/2018 às 00:34

Mitou!

Carlos Henrique Miranda #6.253 @carlos.henrique.mira em 15/10/2018 às 00:17

Não só o Timão..mas a maiorias dos clubes... Porque nosso futebol no geral e só politica.

Matheus Rodrigues #8.089 @osiris em 14/10/2018 às 23:51

Tenho que discordar. Acho que seria sair de uma ditadura para entrar em outra. Nem todo time comprado por um investidor cheio da grana se torna um Manchester City ou um PSG. Vê o caso do Milan: um time grande, tradicional, com uma torcida gigante, que mesmo comprado por um rico grupo de investidores chineses, gastou fortunas trazendo alguns bons jogadores (e outros, nem tanto) e o desempenho em campo continua pífio. Não é somente com dinheiro que se monta times vitoriosos. Sobre a atual política do clube, também estou insatisfeito. Acho que o amadorismo do Andrés, não só, destruiu (ou seria, desmanchou?) nosso planejamento para este ano, como nos ameaça seriamente de repetir o que aconteceu no pior ano de nossa história. Acho que todos entendemos. O Corinthians é o Time do Povo, por isso é contradição querer que o clube tenha um dono, que não seja a Fiel Torcida. O que vem acontecendo e me preocupa, é a inércia da torcida que não vem cobrando os dirigentes, eles que fazem o que querem com o nosso clube. Chega a ser curioso, por muito menos já houveram cobranças muito mais 'intensas' sobre jogadores, técnicos e os próprios dirigentes no passado. O companheirismo das organizadas com a atual diretoria é, no mínimo, suspeito. Não acho que o caminho seja vender o nosso clube para ser propriedade de um endinheirado qualquer, acho que para o clube voltar aos trilhos é necessária a volta da cobrança sobre a diretoria. Cadê os protestos? Cadê a revolta? Vamos continuar aceitando na paz e amor o que eles vem fazendo no Corinthians? Já passou da hora de mostrar que quem nada no clube é a gente, e não esses parasitas (tanto a situação corrupta, quanto a oposição conivente). Não podemos aceitar nada abaixo do título da Copa do Brasil e um meio de tabela menos sofrido (é o que tem dá pra esse ano), nessa temporada.