Jogador do Timão Vendido

Fórum do Corinthians
Tópico Épico Entenda as regras

Geovany #4.560 @geovanyrodrigues em 06/12/2015 às 12:28

Pequenos detalhes separam o anúncio da venda do zagueiro Felipe para o Monaco, da França. E o Corinthians deverá faturar muito alto com a perda de seu titular: o negócio está sendo fechado por cerca de R$ 45 milhões, sendo R$ 22,5 milhões para o clube.

Isso porque o Timão detém 50% dos direitos econômicos do atleta — a outra metade pertence ao Banco BMG, que o adquiriu desde os tempos em que ele ainda era uma promessa no Bragantino.

“O contrato ainda não está assinado, mas restam apenas algumas formalidades. Coisas burocráticas”, assegura um dirigente corintiano, impressionado com as cifras envolvidas.

Além disso o Presidente do Bragantino, Marquinho Chedid está acompanhado cada passo da negociação de Felipe. É que o acordo dele com o Corinthians prevê participação em uma venda futura do defensor.

3.870 visualizações e 107 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhor resposta

Adriano De Souza Franco #36 @adrianer em 06/12/2015 às 12:36

Ai eu te pergunto, quanto valia o Felipe na época que o Corinthians contratou? 2 milhões? 3 milhões? Antes que o povo venha falar que o Corinthians estava uma draga, Felipe foi contratado em 2012, se não me engano depois da Libertadores, hoje o clube poderia faturar esses 45 milhões sozinho, sonho que um dia o Clube deixe de fazer negócios junto com investidores, que compre 100% do jogador, e que pare de fatiar os garotos da base também.

Últimas respostas

João Manoel Santos Nascimento #839 @joao.manoel.santos.n em 08/12/2015 às 20:28

A vdadd é que as únicas baixas aceitaveis nesse elenco são Felipe e Malcon... O restante dos titulares não podem sair

Publicidade

Zau Sccp #357 @zausccp em 08/12/2015 às 20:23

Também gosto do Yago, mas quero ficar mais tranquilo. Além de que não dá pra começar o ano só com 3 zagueiros.

Renan #619 @renan.costa6 em 08/12/2015 às 18:43

" "

Lembrando que temos o Yago pedindo passagem. Jogou diversos jogos em 2015 sempre indo bem.

Guilherme Corintiano. #277 @guilherme.teixeira.d em 08/12/2015 às 18:54

Se o Felipe vale 45 milhões o Rodrigo Caio não vale 20,

Renan Costa #619 @renan.costa6 em 08/12/2015 às 18:43

Lembrando que temos o Yago pedindo passagem. Jogou diversos jogos em 2015 sempre indo bem.

Zau #357 @zausccp em 08/12/2015 às 18:38

" "

Concordo, mas não dá pra recusar os 25 mi pelo Felipe.

Hoje o Felipe leva ligeira vantagem sobre o dracena pelo físico, fica mais parelho por conta da malicia e experiencia do Dracena.

E vamos acabar indo atrás de um zagueiro pra brigar com o Dracena.

O melhor nome pra jogar com o Gil, mas bem difícil de conseguir seria o Manoel, do Cruzeiro.

Victor Silva #697 @victor.silva28 em 08/12/2015 às 18:42

Mas então mano. Quem iria comprar um zagueiro metda desses por 3 milhões? Só seca diretorua fosse louca na época... Afinal ele era uma incógnita e até janeiro não valia nem metade disso...

Adriano #36 @adrianer em 06/12/2015 às 12:36

" "

Ai eu te pergunto, quanto valia o Felipe na época que o Corinthians contratou? 2 milhões? 3 milhões? Antes que o povo venha falar que o Corinthians estava uma draga, Felipe foi contratado em 2012, se não me engano depois da Libertadores, hoje o clube poderia faturar esses 45 milhões sozinho, sonho que um dia o Clube deixe de fazer negócios junto com investidores, que compre 100% do jogador, e que pare de fatiar os garotos da base também.

Zau Sccp #357 @zausccp em 08/12/2015 às 18:38

Concordo, mas não dá pra recusar os 25 mi pelo Felipe.

Hoje o Felipe leva ligeira vantagem sobre o dracena pelo físico, fica mais parelho por conta da malicia e experiencia do Dracena.

E vamos acabar indo atrás de um zagueiro pra brigar com o Dracena.

O melhor nome pra jogar com o Gil, mas bem difícil de conseguir seria o Manoel, do Cruzeiro.

Douglas #95 @duguinha2shae em 07/12/2015 às 18:20

" "

Acho que dracena e gil fica dupla zaga pesada demais...

Precisa zagueiro do estilo Felipe, de velocidade...para realizar antecipacoes, retomada da bola..ainda mais quando adiantar as linhas

Guilherme Crispim #2.305 @guilherme.crispim2 em 07/12/2015 às 18:42

Corrigindo, o Corinthians o comprou no final de 2011, sendo o 1° reforço da temporada.

Adriano #36 @adrianer em 06/12/2015 às 12:36

" "

Ai eu te pergunto, quanto valia o Felipe na época que o Corinthians contratou? 2 milhões? 3 milhões? Antes que o povo venha falar que o Corinthians estava uma draga, Felipe foi contratado em 2012, se não me engano depois da Libertadores, hoje o clube poderia faturar esses 45 milhões sozinho, sonho que um dia o Clube deixe de fazer negócios junto com investidores, que compre 100% do jogador, e que pare de fatiar os garotos da base também.

Jack Tadeu Bahde #125 @tadeu54 em 07/12/2015 às 18:28

Pois eu não contrataria ninguém! Temos Dracena e Yago para entrar na zaga!

Douglas Shimada #95 @duguinha2shae em 07/12/2015 às 18:20

Acho que dracena e gil fica dupla zaga pesada demais...

Precisa zagueiro do estilo Felipe, de velocidade...para realizar antecipacoes, retomada da bola..ainda mais quando adiantar as linhas

Zau #357 @zausccp em 07/12/2015 às 17:41

" "

Boa venda. O Dracena da conta da titularidade. E não é tão difícil arrumar um bom zagueiro.

Se negociar bem, com essa grana dá pra trazer Geromel, Nene e Diego Souza.

Thiago G #17 @thiago000 em 07/12/2015 às 18:20

Eu entendo o que você quer dizer e penso da seguinte forma jogador da base sim tem que ser 100% do clube porque ninguém o descobriu foi o próprio clube quem os descobriu por tanto nada mais justo que seja 100% do clube o prata da casa e numa venda o clube seja beneficiado integralmente com a venda.

E no caso da contratação principalmente a de peso que envolva muito dinheiro que tenha um investidor sim pra minimizar os riscos e quando digo riscos são diversos riscos não apenas de uma lesão incuravel, e mesmo com a medicina avançada como você diz cartilagem não tem cura anda hoje jogador com probema de cartilagem não joga mais bola, ou uma queda técnica mesmo que for é melhor pagar 50% do jogador do que pagar 100% sobra dinheiro pra investir em outros nomes.

Mais o principal que eu acho é que você esta confundindo salário com passe, salario/encargos é sempre do clube afinal quem usuflui do atleta é o clube o atleta é funcionario do clube e não do invetsidor, investidor a palavra já diz ele só empresta dinheiro pra obter lucro lá na frente então não é da conta dele cobrir salários atrasados etc ele investiu x e ta esperando o retorno de 2x e nesse meio termo tem o empresario do jogador que cuida dos interesses do jogador como uma melhoria de salário um novo contrato etc são 3 figuras diferentes e cada uma com sua obrigação mais investidor é diferente de empresario de jogador que por sua vez é diferente de clube cada um tem suas responsablidades.

Um exemplo bom de investidor e atual é o cara lá que comprou não sei qts por cento do passe do centurion e colocou ele no São Paulo, para o cara não importa nda quanto ele ganha quanto deia de ganhar pra ele o que importa h ver o jogador jogando e fazendo gols pra se valorizar e lá na frente ele ser vendido e o cara lucrar com isso.

Já nesse meio tempo por noa ser utilizado o empresario do jogador já ve com bons olhos uma saída dele pra um time onde possa jogar mais mesmo que em empréstimo etc.

E para o clube tão pedindo pelo amor de deus pra algum maluco resolver comprar sua parte e levar o jogador o clube o quanto antes e se livrar desse rolo todo.

Adriano #36 @adrianer em 07/12/2015 às 18:01

" "

Eu entendo aonde você quer chegar cara, só que isso que você disse é muito raro acontecer, hoje em dia a medicina esta muito avançada, você já sabe o que o jogador tem antes de ser contratado, todos os jogadores passa por exames antes de receber o ok do clube para assinar, caso contrario né é contratado, e quanto ao gasto, fica na mesma, imagina a situação, zé ninguém custa 5 milhões, o clube paga 50% e o investidor 50%, ok, tem um contrato de 4 anos, passou dois anos, não deu certo, mas ainda falta 2 anos para o contrato terminar, o clube vai ter que arcar do mesmo jeito, não importa se é 50 ou 100%, ai tudo bem, o custo foi menor na compra, poderia ser pior, mas é isso que vale o investimento, o risco sempre vai ter, mas ao menos se um der certo, o clube vai faturar 100% sozinho, Veja o Barcelona, gastou quantos milhões no Douglas? O cara é ruim que dá até dó, com certeza não vai ter retorno no que investiu.

SÃO negócios, QUE PODE DAR CERTO OU NÃO DÁ CERTO, SÓ QUE PREFIRO TER O JOGADOR 100%, PORQUE QUEM ARCA COM CUSTO COM MEDICO, salário, ENCARGO TRABALHISTA, PREMIAÇÃO, ETC É O próprio CLUBE, ENTÃO QUAL É A VANTAGEM DE TER UM INVESTIDOR? SE AO MENOS O INVESTIDOR AJUDASSE NO CUSTO DO ATLETA NÃO SÓ NA COMPRA, AI VALERIA CADA UM RECEBER SUA PARTE, MAS O TANTO QUE O CLUBE GASTA além DA COMPRA DO JOGADOR, MELHOR ARRISCAR TER O JOGADOR SÓ para o CLUBE, PORQUE AO MENOS SE DER CERTO, O CLUBE TEM O RETORNO DO QUE GASTOU E MAIS O LUCRO. ATUALMENTE SE COLOCAR NO PAPEL NO QUE GASTA, SAI NO VERMELHO, VEJA O MALCON, TEMOS SÓ 30%, O QUANTO O CLUBE JÁ PAGOU COM ELE, SE VENDER, NÃO VAI TER LUCRO, E O ZAGUEIRO CLEBER? QUERO NEM FALAR