Corinthians reage em 20 dias com clássicos e média de 1.25 gols por jogo de Liedson

Corinthians reage em 20 dias com clássicos e média de 1.25 gols por jogo de Liedson

Por Meu Timão

Liedson fez 5 gols em 4 jogos pelo Corinthians em 2011

Liedson fez 5 gols em 4 jogos pelo Corinthians em 2011

Saída precoce na Copa Libertadores, violência de parte da torcida, saída de Roberto Carlos, aposentadoria de Ronaldo... O cenário do Corinthians não era dos melhores após a eliminação para o Tolima, mas a vitória de 3 a 1 sobre o Santos, no último domingo, mostrou que o time conseguiu reagir, menos de 20 dias depois de uma das piores quedas da história do clube, com a marca do atacante Liedson.

O aproveitamento corintiano após a derrota de 2 a 0 para o Tolima, na Colômbia, no último dia 2 de fevereiro é de 86,66%. São quatro vitórias (Palmeiras, Ituano, Mogi Mirim e Santos) e um empate (Paulista) no Campeonato Paulista. Além disso, é o único dos grandes de São Paulo que está invicto em clássicos e em todo o torneio estadual.

“Estou há 19 jogos no Corinthians, com esse grupo e essa torcida. Vencemos todos os clássicos e perdemos um jogo que dói na alma [para o Tolima]. Estamos buscando o ajuste. Ainda vivemos um momento de transição e o time vai ter de manter uma regularidade. Esse jogo foi uma referência importante? Foi, mas ainda é insuficiente”, afirmou o técnico Tite, após o clássico.

Torcida, comissão técnica e companheiros de time não têm dúvida ao apontar um dos principais motivos da reação da equipe na temporada: a chegada do atacante Liedson. O jogador, que estreou em sua volta ao Corinthians apenas após a eliminação na Copa Libertadores, está com média de mais de pouco mais de um gol por partida (cinco em quatro jogos).

Logo em seu primeiro jogo, contra o Ituano, o substituto de Ronaldo no ataque alvinegro marcou dois. Depois, foram mais dois contra o Mogi Mirim. O quinto foi um golaço, por cobertura, fechando a vitória de 3 a 1 sobre o Santos no Pacaembu.

Apesar da boa fase, Liedson ainda mantém cautela. Após a vitória sobre o Mogi, preferiu minimizar o momento. “Sabemos que não fizemos uma grande partida, não só pela qualidade do adversário, mas não conseguimos impor nosso ritmo. Porém, o que mais importa nesta fase é a vitória”, afirmou o ex-atacante o Sporting-POR.

Fonte: UOL

Veja Mais:

  • Pablo explica tratativas paradas por permanência no Corinthians: 'Já conversamos, mas não deu certo'

    [Marco Bello] Pablo explica tratativas paradas por permanência no Corinthians: 'Já conversamos, mas não deu certo'

    ver detalhes
  • Apesar de oscilação do Timão, nenhuma equipe tem tirado diferença para primeira colocação

    A 13 jogos do fim do Brasileirão, vantagem do Corinthians na liderança segue de dez pontos

    ver detalhes
  • Corinthians volta a provocar rival no Twitter e leva Fiel à loucura

    DVD e entortada de Rodriguinho: Corinthians volta a provocar rival no Twitter

    ver detalhes
  • Carlinhos é um dos convocados para o amistoso na Espanha

    Com três reforços do profissional, Corinthians confirma dois amistosos do Sub-20 na Espanha

    ver detalhes

Ronaldo ter se aposentado, foi bom para o Corinthians?

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes