Comissão técnica do Corinthians busca um sexto atacante

Comissão técnica do Corinthians busca um sexto atacante

O elenco do Corinthians tem cinco atacantes em condições de atuar em qualquer clube brasileiro: Willian, Jorge Henrique, Emerson, Liedson e Adriano. O problema é que, por cerca de cinco semanas, os últimos dois estarão nos departamentos médico e físico, em recuperação de lesões.

Uma necessidade que se faz presente, principalmente, pela quantidade de jogos que a dupla ainda não terá condições de atuar. Levezinho se recupera de uma artroscopia no joelho esquerdo. Já o Imperador, de uma cirurgia no tendão-de-aquiles da perna esquerda. Serão pelo menos oito confrontos do Campeonato Brasileiro sem os dois astros.

A situação despertou o sinal de alerta da comissão técnica, que já busca alternativas no mercado interno para encontrar um sexto elemento para o setor de ataque. Apesar do fechamento da janela de transferência, que torna impossível a contratação de jogadores empregados no exterior, opções no futebol brasileiro é o que não faltam.

Na Série A, diversos atacantes não completaram o sétimo jogo, que impediria a possibilidade de troca de clube por ser a mesma competição. O LANCE! fez um levantamento dos jogadores. A lista é grande e tem bons nomes, inclusive com certa experiência (veja abaixo quem ainda está disponível).

– Estamos sempre atento ao mercado, ms deixaremos isso com a direção. O Fábio (Carille, auxiliar) vai analisar a equipe sub-23. Vamos ver...– afirmou Tite, que não gosta de falar sobre contratações.

O PERFIL
Mas a busca será realizada sob um determinado perfil. A comissão técnica não quer problema no futuro, quando Adriano e Liedson estiverem de volta. Por isso, a intenção é tentar um jogador “sem nome” e “sem tanta ambição”, para que não haja uma briga de ego – seriam seis atacantes para apenas três vagas.

NA SÉRIE B, CORINTIANO PRETERIDO, DODÔ, RONI...

O Corinthians não terá de recorrer, necessiariamente, aos jogadores que não completaram sete jogos na primeira divisão para conseguir uma sexta opção. Na Série B também há opções de atacantes.

Jogadores com perfil parecido com que a diretoria alvinegra estuda para compôr o grupo enquanto Adriano e Liedson estejam no Departamento Médico. Com base na lista dos principais artilheiros da Segundona, o L! encontrou atletas que poderiam suprir a ausência da dupla nos próximos oito ou nove jogos. A começar por aquele que mais balançou as redes até aqui.

Ricardo Jesus, da Ponte Preta, marcou 11 gols até agora na competição. Sem dúvida, o principal destaque entre os atacantes. Com oito gols, vem atrás o experiente Somália (Duque de Caxias) e um velho conhecido da Fiel, Edno. O camisa 11 da Portuguesa, que acabou de ser emprestado pelo Timão, é o segundo com mais gols na Série B.

Kieza, do Náutico, Neto Baiano, do Vitória, e Nunes, do São Caetano, já possuem experiência e poderiam ser úteis por esse período. Mas são os nomes de Dodô, do Americana, Roni, do Vila Nova, que chamam mais atenção. Experientes e com passagens por diversos clubes, não sentiriam o peso.

OPÇÕES NA SÉRIE A

América-MG
Willian Rocha – 3 jogos
Netinho – 4 jogos

Atlético-MG
Jonatas Obina – 3 jogos

Atlético-PR
Marcinho – 2 jogos
Morro Garcia – 3 jogos

Atlético-GO
Juninho – 4 jogos
Marcão – 5 jogos

Avaí
Maurício Alves – 6 jogos

Bahia
J. Neto, Jones e Reinaldo – 1 jogo
Souza – 5 jogos

Botafogo
A. Oliveira – 2 jogos

Ceará
Júnior – 2 jogos
Felipe Azevedo – 5 jogos
Marcelo Nicácio e Iarley – 6 jogos

Coritiba
Leonardo e M. Aurélio – 6 jogos

Cruzeiro
Brandão – 5 jogos
Dudu, Ribeiro e Anselmo –6 jogos

Figueirense
Lenny e Jackson – 1 jogos
Reinaldo – 5 jogos

Flamengo
Nenhum

Fluminense
Araújo e Tartá – 1 jogos
Rodrigo e Fred – 4 jogos

Grêmio
Miralles e André Lima – 4 jogos
Jr Viçosa e Roberson – 5 jogos
Lins – 6 jogos

Internacional
Nenhum

Palmeiras
Wellington Paulista – 5 jogos
Maikon Leite – 6 jogos

Santos
Keirrison e Diogo - 2 jogos
Tiago Alves e Borges – 6 jogos

São Paulo
Willian – 2 jogos
Henrique – 4 jogos

Vasco
Nenhum

Velo Clube
Reginaldo

SUB-17, SUB-20 E SUB-23 NA MIRA

Elias Oliveira, que já treina com o elenco há algum tempo, seria a opção mais fácil para ocupar a vaga de sexto homem de ataque – ele chegou a entrar no fim da partida contra o Cruzeiro, domingo.

Porém, a falta de confiança da comissão técnica em cima do garoto, principalmente com uma possível baixa de Emerson, Jorge Henrique ou Willian, fará com que Tite & Cia. mirem as categorias de base do clube que, nos últimos anos, não renderam titulares.

A primeira medida será buscar no sub-23, que disputa a Série A3 pelo Flamengo de Guarulhos, por meio de uma parceria. O auxiliar Fábio Carille será o encarregado de tentar pinçar. Em recentes duelos da equipe reserva do Timão com a sub-23, ninguém causou tanta empolgação na comissão técnica.

Se não encontrarem, a atenção estará voltada às categorias sub-20 e sub-17.

Comissão técnica do Timão busca um sexto atacante

Fonte: Lancenet

Enviado por: Matheus Rodrigues

Veja Mais:

  • Léo Santos deve ganhar vaga de titular contra Chapecoense

    Desfalques, prováveis titulares... Corinthians se reapresenta de olho na Chapecoense

    ver detalhes
  • Balbuena e Arana preocupam departamento médico do Corinthians

    Arana é vetado contra a Chapecoense; lateral e Balbuena passam por exames nesta terça

    ver detalhes
  • Pedrinho foi internado na noite deste domingo

    Pedrinho passa por cirurgia e fica fora do Corinthians por até dez dias

    ver detalhes
  • Elenco volta a treinar nesta segunda-feira de olho no jogo contra a Chapecoense

    Corinthians define programação para semana de jogo remarcado e duelo na Arena

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes