Após 'não' de Gilberto, Timão traz Sheik e se dá bem

Após 'não' de Gilberto, Timão traz Sheik e se dá bem

Por Meu Timão

Emerson Sheik fez seis gols no Brasileirão e se tornou um dos protagonistas na campanha corintiana

Emerson Sheik fez seis gols no Brasileirão e se tornou um dos protagonistas na campanha corintiana

Foto: Miguel Schincariol

Dia 16 de maio, à noite. Corinthians é informado pelo empresário de Gilberto de que o acordo firmado, que renderia R$ 1 milhão ao Santa Cruz e R$ 50 mil mensais ao atacante, estava desfeito.

Dia 17 de maio. Ainda pela manhã, após a confirmação de que o jovem acertara com o Internacional, clube solta uma nota oficial e divulga todos valores que o fizeram optar pelos gaúchos (R$ 2 milhões ao ex-clube e R$ 100 mil mensais).

Dia 18 de maio. À noite, em jantar realizado em São Paulo, Andrés se reúne com o empresário Reinaldo Pitta e contrata Emerson Sheik, por R$ 350 mil/mês mais as luvas.

Foi assim, em apenas três dias, que o quinto título brasileiro da história do Corinthians ficou mais próximo. Apesar do gasto adicional de R$ 300 mil mensais, os paulistas tiveram um retorno do investimento muito superior ao dos gaúchos.

Seis meses após ser esnobado por Gilberto, Santa Cruz e seu empresário, o Corinthians está a 180 minutos do caneco mais cobiçado do no país, com ajuda incontestável do experiente atacante, que disputou 27 dos 36 jogos, marcou seis gols e atuou por 1.667 minutos.

Nos últimos cinco jogos, momento mais decisivo da competição, Emerson fez dois gols, deu assistência para outros dois e ainda sofreu um pênalti. Sem dúvida, muito para um momento de tamanha responsabilidade e tensão.

O Colorado? Bem, neste momento, a equipe é a 4 colocada e ainda luta para confirmar vaga na Libertadores de 2012. Gilberto? Pior ainda: marcou um único gol, disputou apenas 12 partidas e tem que brigar para ficar no banco de reservas, sendo preterido pelo treinador, que prefere Jô e Damião.

O ?não? de Gilberto deu prejuízo financeiro ao Timão, ok. Mas também trouxe gols e frieza, além de deixar esse título mais perto!

ENQUANTO ISSO, GILBERTO...

Chegada no Sul
Após dar balão no Corinthians, Gilberto é apresentado pelo Internacional no dia 18 de maio. O atacante, de 22 anos, diz em sua primeira coletiva que a intenção é ?repetir o sucesso que teve no Santa Cruz?, quando terminou o campeonato pernambucano com 12 gols. Mas não foi isso que ocorreu!

12 jogos, 1 gol e ostracismo
Durante o Brasileirão, o nome de Gilberto quase não foi falado pela imprensa nacional. Até mesmo em Porto Alegre, não conseguiu ganhar status de ?futuro camisa 9 da Seleção Brasileira?. Pior: viu a equipe colorada fazer de Leandro Damião esse jogador. O clube ainda contratou Jô, que estava no exterior, e Siloé, ex-Novo Horizonte (CE). Sua participação na competição nacional se resume a 12 jogos e apenas um gol, marcado recentemente contra o Bahia, no Beira-Rio.

Fonte: Lancenet

Veja Mais:

  • Juninho é um dos destaques do Bahia

    Corinthians altera moeda de troca e faz contraproposta por lateral do Bahia

    ver detalhes
  • Gramado da Arena foi retirado e o estádio está sendo montado para o Monster Jam

    Gramado 'irreconhecível' da Arena Corinthians chama atenção em foto que circula nas redes sociais

    ver detalhes
  • Tréllez foi autor do gol da Vitória sobre o Corinthians na Arena no BR-17

    Corinthians nem nenhum outro clube fez proposta por Tréllez, alega novo presidente do Vitória

    ver detalhes
  • Estádio do Pacaembu receberá jogos do Corinthians em janeiro de 2018

    São Caetano altera estádio, e Corinthians atuará os quatro primeiros jogos no Pacaembu

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes