Ministério Público boliviano muda de postura e pede informações sobre menor corintiano

Ministério Público boliviano muda de postura e pede informações sobre menor corintiano

Pela primeira vez, as autoridades bolivianas admitiram analisar a confissão do menor que afirma ter disparado o sinalizador responsável pela morte de Kevin Douglas Beltran.

Numa reunião na última quarta, o advogado dos 12 corintianos presos na Bolívia exibiu para Abigail Saba, fiscal do Ministério Público boliviano, reportagem do “Fantástico” sobre o caso.

Ela assistiu à matéria em que peritos dizem que as imagens de TV levam a crer que o menor foi mesmo quem disparou o sinalizador. E que outro corintiano segurou sua mochila, mas que pelas imagens não está entre os detidos.

Abigail respondeu que pediria para a diplomacia boliviana solicitar às autoridades brasileiras mais informações sobre o menor.

Para os advogados dos corintianos, a atitude representa uma chance de a Justiça da Bolívia reconhecer a versão. Até agora, a posição dos bolivianos era de ignorar depoimentos e outras provas produzidas no Brasil.

Fonte: uol

Veja Mais:

  • Corinthians e Ponte empataram em 1 a 1 em duelo válido pela fase de grupos do Paulistão

    'Desacreditados', Corinthians e Ponte Preta abrem neste domingo final do Campeonato Paulista

    ver detalhes
  • Universidade Brasil firmou acordo com Corinthians para primeiro jogo da final estadual

    Corinthians anuncia patrocínio pontual para final do Paulistão; veja como fica a camiseta

    ver detalhes
  • Alan Mineiro não volta ao Corinthians em 2017

    Corinthians empresta Alan Mineiro para quarto clube diferente em menos de um ano

    ver detalhes
  • Casuals foi derrotado nos pênaltis neste sábado; próxima temporada só em agosto

    Nos pênaltis, Corinthian-Casuals perde final e adia sonho de subir de divisão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes