Corinthians tem mais público que Carioca inteiro

Corinthians tem mais público que Carioca inteiro

O Campeonato Carioca, um dos mais tradicionais do país, já teve 123 jogos nesta temporada. O Corinthians jogou no Pacaembu, com portões abertos, apenas 12 vezes em 2013.

Mas, por mais incrível que possa parecer, o clube paulista levou mais gente para seus jogos no ano do que todo torneio carioca, que tem a maior torcida do Brasil, a do Flamengo.

Foram 291.978 pagantes nos jogos corintianos no Pacaembu, média de 24.331 ingressos vendidos por partida. No Carioca, faltando apenas três jogos entre pequenos realizados ontem (que juntos não devem ter atraído 500 pessoas), o público acumulado é de 280.126 pagantes, ou 2.334 por jogo.

Contando apenas os jogos do Paulista, o time do Parque São Jorge vendeu 226.450 ingressos, ou praticamente todo o público dos grandes do Rio neste Carioca.

Em todos os seus jogos como mandante o Corinthians teve receitas maiores do que despesas, fato raro no Carioca, apesar da Federação do Rio publicar borderôs sem mencionar as despesas.

Nas suas partidas como mandante e na semifinal da Taça Guanabara, em jogo único, o Flamengo teve arrecadação bruta de R$ 2,385 milhões, ou apenas R$ 140 mil a mais do que o Corinthians conseguiu apenas no jogo contra o San José, pela Libertadores.

Fonte: MSN Esporte

Veja Mais:

  • Marquinhos Gabriel é aposta do Corinthians para triunfar em território hostil. Vale a aposta?

    Contra o Racing, Corinthians decide classificação às quartas da Sul-Americana

    ver detalhes
  • Mesmo com torcida única, Corinthians ainda não perdeu no Morumbi em 2017

    São Paulo anuncia ingressos esgotados para clássico contra o Corinthians no Brasileirão

    ver detalhes
  • Fachada do estádio, no alto, com imagens de ídolos e os anos de glórias

    Estádio do rival do Corinthians cultua e respeita a história de quem fez história pelo clube

    ver detalhes
  • Carille conduziu trabalho do Timão no estádio Presidente Perón

    Carille explica mudanças no Corinthians e pede 'jogo inteligente' por vaga

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes