Corinthians teve R$ 2 milhões de déficit no primeiro semestre de 2013

Corinthians teve R$ 2 milhões de déficit no primeiro semestre de 2013

Jogo no Pacaembu vazio causou prejuízo pro Corinthians

Jogo no Pacaembu vazio causou prejuízo pro Corinthians

Foto: Ari Ferreira/Lancepress!

O Corinthians terminou o primeiro semestre de 2013 com déficit financeiro. Mesmo com os títulos do Campeonato Paulista e da Recopa Sul-Americana, o clube registrou aproximadamente R$ 2 milhões negativos ao seu balanço - ou seja, gastou mais do que arrecadou.

A dívida do clube aumentou 74% nos últimos seis anos. Dos R$ 101,5 milhões de rombo em 2007, hoje o Timão trabalha com mais de R$ 177 milhões em dívidas. Raul Corrêa da Silva, diretor de finanças alvinegro, explicou por que a preocupação do clube ainda não se voltou ao pagamento dos débitos: para iniciar o trabalho de redução, era necessário criar uma estrutura que permitisse estabilizar a instituição financeiramente - incluindo a construção do CT Joaquim Grava e a formação de um elenco forte.

O problema com o patrocínio master da Caixa foi um dos principais entraves financeiros do Corinthians no primeiro semestre. O advogado gaúcho Antonio Beiriz moveu uma ação, tentando anular o recebimento do dinheiro, pelo fato de o banco ser um órgão estatal. O acordo fechado entre as partes é de R$ 31 milhões anuais. Assim, o clube deixou de receber aproximadamente R$ 7,5 milhões desde que Beiriz requisitou o bloqueio dos recursos.

– Isso é normal. Não existem sustos. No ano passado tivemos um primeiro semestre com sete milhões de déficit, e neste ano caiu para dois. Da mesma maneira que nossas receitas totais na metade inicial de 2012 foram de R$ 156 milhões e nesse ano subiram para R$ 181 milhões – explicou o diretor.

Hoje, com um elenco fechado, sem a necessidade de maiores injeções de dinheiro no departamento de futebol, o clube pode trabalhar de maneira estável, segundo Raul Corrêa. O fim da construção da Arena Corinthians, que sediará a abertura da Copa do Mundo de 2014, é visto pelo departamento financeiro como a “cereja do bolo” - sem gastos de aluguel e afins, o Timão poderá iniciar o pagamento da dívida.

– Com a estrutura que temos agora, não precisamos investir tanto e será possível reduzir o endividamento. No momento em que o estádio estiver pronto, a folga para resolver o que aconteceu no passado será maior ainda.

Ao contrário do que ocorreu no ano passado, o Corinthians atualmente não conta com patrocínios nas omoplatas e no calção. Contra o Santos, na final do Paulistão, o clube fechou um contrato pontual com o Banco Pan. Atualmente, são três marcas na camisa alvinegra: Caixa, Fisk (nas mangas) e Tim (nas costas, dentro dos números).

Veja Mais:

  • Patch de homenagem a Chapecoense na camisa do Corinthians

    Veja imagens da camisa do Corinthians com o patch da homenagem a Chapecoense

    ver detalhes
  • Marinho vem sendo pedido por torcedores do Corinthians para 2017

    Pedido pela torcida do Corinthians, Marinho admite deixar Vitória em 2017

    ver detalhes
  • Simi passou sete anos no Corinthians

    Simi reclama de saída do Corinthians e projeta 'final às avessas' da LNF no Parque São Jorge

    ver detalhes
  • Oswaldo divulgou lista de relacionados do Corinthians

    Com apenas um desfalque, Corinthians divulga lista de relacionados para enfrentar Cruzeiro

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes