Corinthians pode ser novamente prejudicado por causa da torcida

Corinthians pode ser novamente prejudicado por causa da torcida

Por Meu Timão

11 mil visualizações 115 comentários Comunicar erro

A garrafa atingiu a cabeça do assistente que reportou ao árbitro

A garrafa atingiu a cabeça do assistente que reportou ao árbitro

O Corinthians já foi prejudicado diversas vezes em 2013 por conta da torcida e mais uma vez uma atitude lamentável pode levar o Timão ao STJD.

Depois do assistente anular um gol do Corinthians, uma garrafa d'agua foi arremeçada na cabeça do bandeirinha Bruno Salgado Rizo. Ele reportou ao árbitro Raphael Klaus que paralisou o jogo e recolheu a garrafa, indicando que vai citar o incidente na súmula do jogo.

Nesse ano, o Corinthians já foi punido por conta da torcida em 3 competições diferentes.

Na Libertadores, um sinalizador atirado tirou a vida de um torcedor do San José. O Corinthians pegou uma partida de suspensão com os portões fechados.

No Brasileirão, após uma briga contra a torcida do Vasco, o Corinthians foi punido com uma multa e 4 jogos tendo que jogar a 100km de distância de São Paulo.

Na Copa do Brasil, por conta de sinalizadores, o Corinthians pegou 2 jogos de suspensão e não joga mais no Pacaembu mesmo se chegar na final da competição.

Veja Mais:

  • Fábio Carille exibe a taça de heptacampeão brasileiro; treinador seguirá carreira na Ásia

    Fábio Carille deixa Corinthians e acerta com Al-Wehda, da Arábia Saudita

    ver detalhes
  • Titulares do Corinthians foram a campo nesta terça-feira

    Titulares vão a campo, mas Carille não esboça time; jovem ganha atenção especial no fim do treino

    ver detalhes
  • Ginásio Wlamir Marques deve receber bom público em série final do NBB

    Casa do Corinthians, Ginásio Wlamir Marques volta a abrigar decisão do NBB

    ver detalhes
  • Corinthians de Ángel Romero entra em campo nesta quinta pela Libertadores

    O que está em jogo para o Corinthians na última rodada da fase de grupos da Libertadores

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes