Gavioes Da Fiel e Indepente serão punidas por 120 dias com multa e podem ser banidas para sempre

Gavioes Da Fiel e Indepente serão punidas por 120 dias com multa e podem ser banidas para sempre

No último domingo, após o encerramento do Majestoso, as torcidas organizadas de São Paulo e Corinthians protagonizaram cenas lamentáveis na Marginal Tietê. Ao entrarem em conflito, que a polícia acredita ter sido combinado pelas redes sociais, as torcidas descumpriram o TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) que assinaram em 2012, portanto, ambas foram punidas com multa de R$30 mil e 120 dias de afastamento de seus estádios.

Segundo boletim de ocorrência registrado no 91º Distrito Policial, 21 torcedores da Independente de Campinas foram detidos no local após o confronto com os torcedores alvinegros. O ônibus que levava os torcedores de volta ao interior do Estado foi depredado durante a confusão em que os envolvidos se armaram com barras de ferro, pedras, rojões, chaves de fenda, de roda e estrela. Balas de borracha e gás lacrimogêneo foram usados pela PM na tentativa de dispersar os torcedores. No final, um policial e dois torcedores do São Paulo ficaram feridos. As pessoas detidas foram liberados no início da manhã desta segunda-feira.

Por conta destes atos, em entrevista coletiva concedida nesta segunda-feira, o Promotor de Justiça do Consumidor da Capital, Roberto Senise Lisboa, afirmou que entrará com uma ação civil pública onde pedirá a extinção das duas torcidas. Esta será a terceira vez em que a Gaviões, principal organizada do Corinthians, será julgada.

“Uma ação civil pública, pedindo a dissolução das torcidas organizadas (Independente e Gaviões) será pedida. Além dessa ação, mais duas ações de execução serão pedidas. Uma pedindo uma multa (de R$ 30 mil cada uma) e a outra a suspensão das atividades por 120 dias. A Gaviões vai sofrer a terceira ação de multa e a terceira de dissolução. Só uma multa é pouco, ainda mais nesse tipo de situação, por isso foi pedida a suspensão das atividades. Essa, já temos por força do Termo de Compromisso”, disse o promotor.

A multa e o afastamento de 120 dias podem ser efetuados pelo Ministério Público e deverão ser brevemente colocadas em prática, já a dissolução das torcidas ainda irão a julgamento.

Vale lembrar que dentro do estádio do Morumbi, no intervalo da partida, parte da torcida do São Paulo já havia entrado em confronto com a Polícia Militar, ao tentar invadir o setor da torcida adversária. Na confusão, um são-paulino foi detido e um soldado, assim como vários torcedores do Tricolor ficaram feridos, todos sem gravidade. O incidente foi citado na súmula do árbitro Wilson Luiz Seneme.

Fonte: Futnet

Veja Mais:

  • Guilherme Arana é um dos principais jogadores do país em 2017

    Time espanhol trata Arana como prioridade e deve apresentar nova oferta para o Corinthians

    ver detalhes
  • Romero e Balbuena foram convocados pelo técnico Arce

    Lesão não impede convocação de Balbuena; Paraguai libera lista com os jogadores do Corinthians

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians não vê jogo da equipe na TV aberta há quase um mês

    Fiel só tem uma opção para assistir na TV ao jogo do Corinthians contra Chapecoense

    ver detalhes
  • Elias deixou o Corinthians há um ano para reforçar o Sporting, de Portugal

    Por momento ruim do Atlético-MG, Elias cogita retorno ao Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes