Corinthians trabalha para fazer sua parte no Paulistão

Corinthians trabalha para fazer sua parte no Paulistão

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

O Corinthians vive situação delicada na busca pela classificação para as quartas de final do Paulistão. Mesmo com três vitórias seguidas, aparece apenas em terceiro lugar no Grupo B, com 17 pontos - está atrás de Botafogo (22) e Ituano (21). Apesar de precisar de tropeços dos dois primeiros colocados, a ordem no elenco corintiano é fazer a sua parte ganhando os jogos, para, depois, ver se a vaga será conquistada.


'Não podemos lamentar nossa situação, que é fruto de um início ruim no campeonato. Não sei dizer se o regulamento é justo ou injusto, mas temos de fazer nossa parte. Se não classificarmos, será por nossa culpa', admitiu o volante Guilherme, um dos titulares do técnico Mano Menezes.

'Podemos ganhar todos os jogos e não classificar, pois não enfrentamos os times do nosso grupo. Então, temos de fazer nossa parte e, na medida do possível, ver se os rivais tropeçam', afirmou o lateral-esquerdo Uendel, outro titular corintiano.

Faltando apenas quatro rodadas para o final da fase de classificação, o Corinthians visita o Linense na noite desta quarta-feira em Lins. Depois, ainda jogará contra São Paulo, Penapolense e Atlético Sorocaba.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Marquinhos Gabriel é aposta de Carille para surpreender Chapecoense

    Contra Chape, Corinthians joga para evitar oscilação e aumentar vantagem na liderança

    ver detalhes
  • Clayton disputou 14 jogos, marcando dois gols

    Corinthians e Atlético-MG finalizam últimos detalhes para devolução de Clayton

    ver detalhes
  • Quem deve ganhar chance no Timão em 2018?

    Em enquete, Fiel opina sobre quais emprestados devem ganhar chances no Corinthians em 2018

    ver detalhes
  • Romero, Jô, Rodriguinho e Fagner, personagens do PES 2018

    Presença do Corinthians na demo de PES 2018 é anunciada pela Konami; veja novo trailer do game

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes