Palmeiras já sabe que pode perder Alan Kardec pra um dos seu rivais

Palmeiras já sabe que pode perder Alan Kardec pra um dos seu rivais

Por Meu Timão

Kardec é cogitado no trio de ferro paulista

Kardec é cogitado no trio de ferro paulista

A chance de Alan Kardec continuar no Palmeiras diminui a cada dia. Sem acertar as bases salariais com o atacante, o clube insiste para Kardec abaixar a pedida salarial. O atacante já fez isso por três vezes e nem assim eles estão dispostos a pagar.

A situação se agrava agora que além do Corinthians que já demonstrava interesse no atacante, o São Paulo também negocia com o Benfica (dono do passe do jogador) em trazer o atacante.

O Corinthians por enquanto, só não entrou na jogada pra não comprar briga. A diretoria do Parque São Jorge estaria disposta a pagar um salário maior que o atacante recebe do Palmeiras mas o Timão espera o contrato do jogador expirar (em 30 de junho) pra não atravessar as negociações do rival.

Entretanto, a ética Corinthiana não foi reproduzida pelo São Paulo, o clube da Vila Sônia atravessou o Palmeiras e ofereceu R$14.5 milhões pelo atacante direto para o clube de Portugal, valor superior aos R$12 milhões que o Palmeiras tem como prioridade pra ficar com o atleta.

Se o Palmeiras não acertar até o fim de junho, está cada vez mais claro que o jogador deve continuar na capital Paulista, só não se sabe se será no Parque São Jorge ou na Vila Sônia.

Veja Mais:

  • Malcom é o principal jogador do Bordeaux na temporada

    Em alta na França, Malcom aparece em lista dos 50 melhores jogadores jovens do mundo

    ver detalhes
  • Com Sócrates, Corinthians derrotou São Paulo por 3 a 1 e faturou Paulistão de 1982

    Camisa do Timão utilizada na Democracia Corinthiana entra em top 50 de revista inglesa

    ver detalhes
  • Quer trabalhar no Meu Timão? Tem vaga aberta

    FÓRUM: Quer trabalhar no Meu Timão? Tem vaga aberta

    ver detalhes
  • Danilo treinou normalmente na manhã desta sexta-feira no CT

    Danilo está quase pronto para a terceira tentativa de retorno após a grave lesão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes