Saída de volante estaria travada por questões salariais

Saída de volante estaria travada por questões salariais

Por Larissa Emanuelle

Guilherme ainda negocia os últimos detalhes

Guilherme ainda negocia os últimos detalhes

Mesmo que o Corinthians já tenha aceitado a proposta da Udinese, o volante Guilherme ainda acerta as últimas pendências para deixar de vez o Timão. O entrave, no entanto, passa pelo salário do jogador.

O estafe deste estaria insatisfeito, já que poderia não receber dinheiro na negociação, tendo em vista que os vencimentos do mesmo sequer dobrariam. Sendo assim, a ideia inicial passa por uma reabertura da negociação, para a solicitação de luvas. No Corinthians, o volante recebia RS 80 mil. Na Udinese, com vínculo de cinco anos, ainda não se sabe o valor exato.

O Timão permitiu a saída do jogador após a chegada de Elias e a evolução de Bruno Henrique, gerando como consequência o 'amargo' banco de reservas à Guilherme. O jogador veio para o Corinthians como um possível bom substituto para Paulinho, mas logo que apareceu outra boa opção, perdeu a titularidade.

Veja Mais:

  • Camacho e o pai Anizio Camacho

    Acidente em casa tira vida de pai de Camacho; mãe e irmão do jogador são hospitalizados

    ver detalhes
  • Atlético-PR e Coritiba preferiram não realizar a partida e enfrentaram o modelo tradicional do futebol

    Unidos, rivais peitam a Globo e acabam barrados pela Federação Paranaense

    ver detalhes
  • Roberto de Andrade pode ser afastado nesta segunda-feira

    Linha do tempo e opiniões de conselheiros: tudo sobre o tema impeachment no Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians terminou a quarta rodada como líder do Grupo A

    Líder do Grupo A, Corinthians termina rodada um ponto atrás do líder geral

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes