Corinthians ganha percentual de jovem da base ao ceder Ramírez

Corinthians ganha percentual de jovem da base ao ceder Ramírez

Por Meu Timão

10 mil visualizações 89 comentários Comunicar erro

Ramírez não joga mais com a camisa do Timão

Ramírez não joga mais com a camisa do Timão

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Timão cedeu o meia peruano Ramírez, sem custos, por empréstimo ao Botafogo até o final da temporada. Além disso, o Corinthians ainda pagará o salário do jogador que chega a R$ 130 mil mensais.

Contudo, o alvinegro paulista ainda ganhou um "bônus". Com a negociação concretizada, o clube ficou com 15% do meia Matheus Celestino, de 16 anos, que está na base do Timão.

O jogador que era do Botafogo está no Parque São Jorge desde o começo do ano. Até a realização da transferência, as equipes dividiam seus direitos. Agora, o Corinthians ficou com 65% do passe do jogador e o Botafogo com os 35% restantes.

No caso de Ramírez, o Timão tem contrato com o jogador até o fim do ano e, caso o alvinegro carioca queira ficar com o jogador, será necessário renegociar o contrato. A expectativa é que o jogador esteja à disposição do novo clube para o jogo do dia 10 de agosto, contra o Atlético-PR, em Curitiba.

Veja Mais:

  • Henrique marcou primeiro gol oficial do Corinthians na temporada de 2019

    Henrique faz no fim, Corinthians empata com São Caetano e deixa impressão positiva para o Paulistão

    ver detalhes
  • Duilio Monteiro Alves, diretor de futebol, falou em nome da diretoria na Arena Corinthians

    Luan, Love, Arana, Romero e Ramires: diretor do Corinthians atualiza negociações

    ver detalhes
  • Avelar foi eleito o pior corinthiano em campo neste domingo pela torcida

    Avelar é criticado, e pedidos por Arana marcam repercussão da estreia corinthiana nas redes sociais

    ver detalhes
  • Melhor corinthiano em campo, Fagner foi também o capitão do Timão neste domingo

    Abismo entre laterais do Corinthians é destacado por torcedores após empate com São Caetano

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes