Corinthians pode fechar novo patrocínio nesta nesta sexta-feira

Corinthians pode fechar novo patrocínio nesta nesta sexta-feira

Por Meu Timão

Camisa do Corinthians pode ganhar mais um patrocínio

Camisa do Corinthians pode ganhar mais um patrocínio

O Timão está próximo de anunciar mais um patrocinador para a camisa do clube. Segundo uma reportagem do site Lancenet, o Corinthians negocia com a CarSystem. A empresa é pioneira e líder do ramo de monitoramento e rastreamento de veículos via satélite.

Segundo a publicação desta quinta-feira, o gerente de marketing do clube confirmou a negociação e disse que o anuncio oficial deve acontecer nas próximas horas. O contrato de patrocínio deverá ser mantido até dezembro de 2014.

Além da CarSystem, a Caixa Econômica Federal e Fisk também patrocinam a camisa de jogo do time. O faturamento do Corinthians com a camisa é de aproximadamente R$ 40 milhões por ano, além é claro do contrato com a fornecedora Nike que rende mais 35 milhões de reais.

Vale lembrar que o contrato do Timão com a caixa se encerra no final de 2014 e existe a possibilidade do clube fechar um patrocínio histórico com a Emirates que também negocia o Naming Rights no estádio. Segundo uma matéria de junho do site da ESPN, a companhia aérea já está negociando pagar cerca de R$400 milhões por 10 anos como patrocinadora master da camisa do Corinthians.

Veja Mais:

  • Jô é mais uma vez decisivo para o Timão nos clássicos do Paulista

    'Rei dos clássicos', Jô é decisivo em empate do Corinthians contra o São Paulo

    ver detalhes
  • Corinthians deve enfrentar o Botafogo-SP nas quartas de final

    Conheça o provável adversário do Corinthians nas quartas de final do Paulistão

    ver detalhes
  • Rogério ceni rendeu elogios ao atual treinador do Corinthians

    Rogério Ceni deixa rivalidade de lado para elogiar atitude de Carille

    ver detalhes
  • Jô marcou o único gol do Corinthians no Majestoso

    Atacante é eleito melhor em campo no clássico; lateral tem nova atuação fraca

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes