Mano afirma ter colocado cargo à disposição de Gobbi após a derrota

660 visualizações 12 comentários

Por Meu Timão

Mano deixou seu cargo à disposição de Gobbi

Mano deixou seu cargo à disposição de Gobbi

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Respondendo às pressões da torcida e da imprensa, que falam sobre a saída de Mano do comando do Corinthians, o treinador rebateu. A derrota por 4x1 para o Atlético-MG em Belo Horizonte.

Mano afirmou que logo após a derrota, em conversa com Mário Gobbi, colocou seu cargo à disposição do presidente. Apesar do resultado e da eliminação, o dirigente corinthiano bancou o treinador e afirmou que Mano permanece no comando até dezembro.

O comandante do Corinthians afirmou que apesar da amizade entre os dois, entendeu que a situação colocava Gobbi em uma posição difícil no clube, e deixou o presidente à vontade para a decisão. Na entrevista, Mano ainda falou que após o aval de Gobbi para sua permanência, teve uma conversa prolongada com os jogadores para reencontrar "confiança mútua" e continuar o trabalho.

Na quinta-feira, jogadores almoçaram juntos no CT após o desembarque e foram dispensados O treino de sexta feira viu, entretanto, protestos de cerca de 100 torcedores que pediam a saída do presidente e do técnico à frente do Timão, e xingaram jogadores de "mercenários".

Com a continuação de Mano, o Corinthians tem agora 10 jogos para redimir a pífia temporada de 2014, e conquistar ao menos a classificação para a Libertadores. O próximo confronto contra o Internacional pode ser decisivo na disputa, uma vez que Inter é um dos candidatos à vaga.

Veja Mais:

  • Donelli deve ter nova chance na meta alvinegra com ausência de Cássio

    Corinthians não relaciona titulares para duelo contra o Novorizontino; veja lista completa

    ver detalhes
  • Reservas foram a campo para último treino antes de duelo pelo Paulistão

    Corinthians faz último treino antes de encarar o Novorizontino no domingo; veja possível time

    ver detalhes
  • Em 2016, o Corinthians comprou 50% dos direitos econômicos de Marlone por R$ 4 milhões; pelo acordo, o Timão pagaria duas parcelas de R$ 500 mil e outras 20 parcelas mensais de R$ 150 mil

    Corinthians tenta efeito suspensivo para evitar cobrança de R$ 2,1 milhões na Justiça, que é negado

    ver detalhes
  • Último jogo do Corinthians no domingo à tarde na Neo Química Arena foi contra o Vasco, no Brasileiro

    Corinthians vai atuar pela primeira vez na temporada em um domingo à tarde; relembre horários

    ver detalhes
  • Pedrinho anota o primeiro gol do Corinthians no Brasileirão Sub-17

    Corinthians supera o Internacional e estreia com vitória no Brasileirão Sub-17

    ver detalhes
  • Corinthians conheceu detalhes de seu último compromisso na fase de grupos do Paulista

    Jogo entre Corinthians e Novorizontino é confirmado à tarde; jogos da rodada serão no mesmo horário

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x