Jogar em Belém traz boas recordações ao Coringão

740 visualizações 10 comentários

Por Meu Timão

Corinthians, comandado por Mano Menezes, tem bom retrospecto no Pará

Corinthians, comandado por Mano Menezes, tem bom retrospecto no Pará

O Timão voltará a atuar pelo campeonato brasileiro nesta quarta, contra o Goiás, na cidade de Belém-PA. Apesar da distância de sua casa, o retrospecto em atuar na cidade é favorável.

No total, o Corinthians disputou 19 partidas na capital do Pará, com sete vitórias, oito empates e quatro derrotas. A equipe que o Timão mais enfrentou jogando em Belém foi o Paysandu, com quem disputou 11 partidas, totalizando cinco vitórias, cinco empates e apenas uma derrota.

O Alvinegro não joga em Belém desde 2005, quando enfrentou o Paysandu e ganhou por 2 a 0, gols de Carlitos Tevez e Rosinei, pelo Campeonato Brasileiro daquele ano. As informações são do site oficial do Corinthians.

Veja Mais:

  • Antes da pandemia do novo coronavírus, clube fechou 2019 com déficit de R$ 177 milhões

    Corinthians e outros clube devem ter 'dificuldades de entrar em campo' em 2021, alerta economista

    ver detalhes
  • Por que esses são os corinthianos mais odiados por Palmeiras, São Paulo e Santos?

    VÍDEO: Por que esses são os corinthianos mais odiados por Palmeiras, São Paulo e Santos?

    ver detalhes
  • Volante Ralf foi apresentado no Avaí nesta sexta-feira

    Ralf se diz marcado na história do Corinthians e cita 'página virada' ao vestir camisa do Avaí

    ver detalhes
  • O que ouvimos sobre o novo reforço do Corinthians

    VÍDEO: O que ouvimos sobre o novo reforço do Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians interrompeu as atividades do basquete durante pandemia

    Corinthians replaneja quase 50 modalidades devido à pandemia; maioria não deve ser atingida

    ver detalhes
  • Ex-atacante do Corinthians, Célio Taveira morreu aos 79 anos vítima de Covid-19

    Ex-atacante do Corinthians, Célio Taveira morre vítima do novo coronavírus

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: