Novo julgamento do 'Caso Petros' é agendado para a próxima quinta-feira

Novo julgamento do 'Caso Petros' é agendado para a próxima quinta-feira

Por Larissa Emanuelle

'Caso Petros' volta à ser assunto no Superior Tribunal de Justiça Desportiva

'Caso Petros' volta à ser assunto no Superior Tribunal de Justiça Desportiva

Depois da união entre Grêmio e Internacional no pedido de um recurso após o primeiro julgamento do 'caso Petros', o Superior Tribunal de Justiça Desportiva marcou uma nova data para que o assunto retorne ao tribunal. O julgamento acontecerá na próxima quinta-feira (27).

Em primeira instância, o Corinthians conseguiu ser absolvido e não perdeu pontos no Campeonato Brasileiro, o que revoltou os dois clubes do Rio Grande do Sul. Internacional e Grêmio disputam uma vaga na Libertadores da América, assim como o Timão, e demonstram interesse em uma possível punição ao clube paulista.

Neste novo julgamento, o auditor será Flávio Zveiter e o Corinthians ainda corre o risco de perder quatro pontos no Brasileirão, caso o STJD decida punir desta vez, mesmo após a confirmação de que o erro aconteceu graças à Federação Paulista de Futebol.

O Timão volta à defender que o meia poderia atuar normalmente, tendo em vista que preenchia os dois requisitos necessários para entrar em campo com a camisa alvinegra: possuir um contrato válido e ainda estar inscrito na Confederação Brasileira de Futebol.

Veja Mais:

  • Jô demonstrou desgaste no fim do jogo contra o Fluminense

    Desgaste e chance de lesão podem fazer Corinthians não ter até seis titulares contra o Patriotas

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians volta à Arena na próxima quarta-feira

    Corinthians atualiza parcial de ingressos contra Patriotas e faz desafio à Fiel

    ver detalhes
  • Cavalinho do Corinthians lidera corrida do programa Fantástico

    Cavalinho do Corinthians 'quebra protocolo' e se apaixona por Fernanda Gentil no Fantástico

    ver detalhes
  • Romero em ação contra o Fluminense, no Maracanã

    Romero será reavaliado pelo departamento médico do Corinthians; outros preocupam

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes