Sheik pode jogar no futebol mineiro, diz comentarista

Sheik pode jogar no futebol mineiro, diz comentarista

Por Meu Timão

12 mil visualizações 84 comentários Comunicar erro

Comentarista diz que Sheik pode ir para o Atlético-MG

Comentarista diz que Sheik pode ir para o Atlético-MG

Emerson Sheik ainda aguarda decisão sobre seu futuro enquanto a vida política do Corinthians não está resolvida. O jogador tem evidente desafeto com Mano Menezes, e tinha grandes chances de ser reintegrado ao time ainda em janeiro.

Isso porque até os últimos jogos, parecia certa a saída de Mano. O contrato do treinador vai até dia 31 de dezembro, e Gobbi já tinha avisado que não iria renovar com o técnico. O atual presidente do Corinthians quis deixar para o próximo mandatário da decisão.

Como as eleições só acontecem em fevereiro, o Corinthians ficaria sem treinador no início da temporada e Emerson iria voltar ao grupo. A expectativa, inclusive, era que o jogador participasse da pré-temporada na Flórida e do jogo amistoso contra o time inglês Corinthian-Casuals. Porém, a campanha de Mano surpreendeu e o time mostrou fôlego na arrancada final do campeonato.

Perto da classificação para Libertadores, Mano começa a agradar a torcida e diretoria, e poderia conseguir a permanência. Se for esse o caso, é provável que Emerson não tenha mesmo espaço no time. E nesse caso, o destino do jogador poderia ser o Atlético-MG.

Segundo o comentarista Edmundo, da TV Band, os times tinham acertado a ida do jogador, com metade do salário sendo pago pelo Timão. Sheik recebe cerca de R$520 mil por mês, e interessa ao Atlético desde o início da temporada. O clube mineiro pode ver no jogador um bom reforço para a disputa da Copa Libertadores, após conseguir a vaga se sagrando campeão da Copa do Brasil.

Veja Mais:

  • Antonio Roque Citadini quase não concorreu na eleição de fevereiro

    Citadini lamenta sobre eleição no Corinthians: 'Essa campanha sangrenta me tirou as chances'

    ver detalhes
  • Jean (ao centro) deve sair; lateral Romão também não convenceu comissão técnica

    Entenda por que diretoria do Corinthians ainda não se desfez de jogadores 'encostados' do elenco

    ver detalhes
  • Matheus Matias (à esq.) foi assunto na entrevista coletiva do diretor adjunto Duílio Monteiro

    Corinthians confirma porcentagem adquirida de Matheus e alerta: 'Tendência é ir devagar'

    ver detalhes
  • Mauro da Silva (auxiliar), Duílio Monteiro Alves (diretor-adjunto de futebol) e Alessandro (gerente) durante um dos treinos no CT

    Diretoria assume dificuldade por um 9: 'Futebol na América do Sul pagando salários de Europa'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes