Petros não se intimida com o grupo do São Paulo

Petros não se intimida com o grupo do São Paulo

Por Meu Timão

Petros disse não temer o rival São Paulo

Petros disse não temer o rival São Paulo

O bom meia Petros, essencial para a boa campanha do Corinthians no Brasileirão de 2014, disse não temer o São Paulo, adversário na fase de grupos da Copa Libertadores, caso o Coringão passe o mata-mata contra a equipe colombiana. O meio campista, confiante, se apegou a última partida entre os rivais para se mostrar ainda mais confiante. As informações são da Gazeta Esportiva.

- O grupo do São Paulo não nos incomoda. Já ganhamos deles - avisou Petros, referindo-se ao triunfo por 3 a 2 no estádio de Itaquera, pelo Campeonato Brasileiro. No primeiro turno, houve empate por 1 a 1. E o São Paulo ganhou por 3 a 2 no último Campeonato Paulista.

Apesar do otimismo, Petros não chegou a minimizar o possível encontro regional na Libertadores.

-É um rival, e existem as questões históricas, da torcida. Mas isso é Corinthians. Não dá para escolher adversário - avisou.

- Estamos na principal competição das Américas. É claro que queríamos entrar direto na fase de grupos, mas não foi possível. Vamos para a pré-Libertadores com muita força. Já temos uma equipe qualificada e mais jogadores virão. Dava para ter feito um pouco mais, mas é o que nos restou e estamos prontos - concluiu.

Veja Mais:

  • Romero pode seguir como titular mesmo com GIovanni à disposição

    Em votação esmagadora, Fiel opta por Romero a Giovanni Augusto no meio do Corinthians

    ver detalhes
  • Jogadores usaram máscaras em brincadeira do Corinthians

    Em clima de Carnaval, Corinthians provoca e dá máscaras para Gabriel e Maycon

    ver detalhes
  • Vitor Hugo publicou vídeo nesta quinta-feira

    Em rede social, Vitor Hugo publica vídeo com pedido de desculpas a Pablo; confira

    ver detalhes
  • Corinthians e Santos ainda não se enfrentaram em 2017

    FPF altera horário do clássico entre Corinthians e Santos na Arena

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes