Corinthians briga para diminuir punição a Guerrero

Corinthians briga para diminuir punição a Guerrero

Por Meu Timão

Corinthians luta para diminuir a pena de Guerrero

Corinthians luta para diminuir a pena de Guerrero

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O atacante peruano Paolo Guerrero foi suspenso por três jogos pela Conmebol devido a uma cotovelada que ele deu no primeiro jogo contra o Once Caldas. Com a punição, o atacante deve perder as duas primeiras rodadas da fase de grupos: São Paulo e San Lorenzo.

- Estamos conversando com advogados, buscando alguns caminhos. Normalmente na Conmebol isso não é possível, mas vamos procurar outros caminhos - disse Roberto de Andrade ao SporTv.

(A punição) É um pouco severa pelo fato de o árbitro caracterizar na súmula como agressão', entende o mandatário corintiano. 'A agressão acontece em uma briga, é um pontapé, e acho que não foi esse o caso. Foi uma disputa de bola. Talvez ele tenha aberto um pouco o braço, mas tudo normal - finalizou o mandatário.

O lance que resultou em suspensão ao camisa 9 aconteceu no último dia 4. Ainda no primeiro tempo da vitória sobre o Once Caldas, da Colômbia, Guerrero dividiu no alto e ao descer acertou cotovelada em Pérez. O árbitro, Patrício Loustau , deu o cartão vermelho direto ao atleta.

Veja Mais:

  • Carille teve problemas para testar elenco nesta quarta; Arana e Léo Santos se ausentaram

    Bruxa solta! Treino do Corinthians é marcado por ausências, sustos e dúvidas

    ver detalhes
  • Dono de cinco gols em 2017, Romero está convocado pela seleção paraguaia

    Noiva de Romero vaza convocação de paraguaios do Corinthians; veja documento

    ver detalhes
  • Emerson Santos assinou pré-contrato com o Palmeiras

    Emerson Santos custaria R$ 20 milhões ao Corinthians em cinco anos; entenda o valor

    ver detalhes
  • Jadson treinou de colete, como coringa, na terça-feira

    Corinthians pode deixar Jadson fora contra o Vitória; entenda

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes